text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Prova especial deve ser pedida com antecedência

      
Os candidatos que precisam de algum tipo de atendimento especial no dia da prova, como exames em braile, devem contatar a instituição responsável pelo vestibular com antecedência, para terem a infra-estrutura necessária.

Os portadores de necessidades especiais têm apenas dois postos para entregar a ficha de inscrição da Fuvest, um em São Paulo e outro em Ribeirão Preto. "Quem precisa de prova especial tem de informar nesses postos. No caso de usuários de cadeira de rodas, também pode, mas não precisa. No dia da prova, caso haja problemas para chegar à sala, o coordenador arranja um local no térreo", disse Roberto Costa, da Fuvest.

Na Unesp, também é necessário pedir atendimento especial na entrega da ficha. "Se não informar, a prova será igual. Cadeirantes têm de avisar para que possamos alocá-los em colégios com rampas", disse Fernando Prado, da Unesp.

Na Unicamp, o candidato deve entrar em contato com a Comvest. A universidade é a única das três que pede que os canhotos se identifiquem na inscrição para que tenham cadeiras apropriadas.

Fonte: Folha de S.Paulo
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.