text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Faltam informações para os estudantes

      
Os universitários não estão bem informados sobre o Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Sinãs), na opinião de Sabrina Souza, do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da PUC-PR. "Falta compreensão sobre como o Enade (Exame Nacional de Desempenho) será feito", afirma. O DCE pretende publicar um jornal interno para explicar aos estudantes o substituto do Provão.

Angélica Varejão, aluna de Terapia Ocupacional da UFPR, se considera bem esclarecida sobre a prova, graças pesquisas na Internet. Segundo ela, entretanto, só está bem informado quem está correndo atrás. A estudante já descobriu, por exemplo, que não está entre os possíveis selecionados para o Enade.

Uma das preocupações do presidente do DCE da PUC, Milton Zanelatto Gonçalves, é a formação de turmas especiais para os alunos sorteados para fazer o exame. O estudante de Arquitetura é membro da comissão de avaliação da universidade. "A comissão é independente, mas temos de estar atentos para evitar uma certa cumplicidade em relação à reitoria", diz. No geral, o Sinãs é visto como um avanço. "Aprovamos o sistema com algumas ressalvas. A auto-avaliação é boa, porque a carga não fica apenas sobre os estudantes", diz Sabrina.

Fonte: Gazeta do Povo
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.