text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Vaga no curso de Medicina na UFMT será disputada por 67 candidatos

      
Cada uma das vagas no curso de Medicina da Universidade Federal de Mato Grosso será disputada por 67 candidatos. Na ponta do lápis, 66,58 - arredondando para cima. Esse é o curso mais concorrido entre todos oferecidos pela instituição de entino superior. As provas começam neste domingo e serão concluídas na segunda-feira. A coordenadora do Vestibular, Valéria Calmon, disse hoje que todos os preparativos já foram feitos.

O curso de Medicina representa quase o dobro na concorrência para o segundo curso, o Direito Noturno, com 30,90 candidatos por vaga. Seguem os demais cursos: Direito Matutino (30,10); Administração Noturno (23,26); Ciência da Computação (20,05); Farmácia - campus Médio Araguaia (19,77); Enfermagem (19,16); e Medicina Veterinária (18,38).

O resultado do vestibular 2006 deverá ser divulgado até 30 de dezembro de 2005. O período de matrícula está previsto para os dias 7 e 8 de fevereiro de 2006.

Ao todo 27.497 candidatos estão regularmente inscritos para realizar as provas. A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) oferece 2.548 vagas distribuídas em 63 cursos de graduação nos campi de Cuiabá, Rondonópolis e Médio Araguaia.

ïïO candidato deve buscar todas as informações sobre o local do vestibular, pois ele só poderá fazer as provas no local designado pela CEV (Coordeandoria de Exames Vestibulares). Deve chegar com uma hora de antecedência, às 7 horas, portando caneta, lápis e documento pessoal de identificação,ïï adverte Valéria Calmon.

Por motivo de segurança e visando garantir a lisura e a idoneidade do processo, não será permitido ao candidato entrar no estabelecimento de aplicação de provas portando armas ou aparelhos eletrônicos (bip, telefone celular, relógio do tipo ïïcalculadoraïï, walkman, agenda eletrônica, notebook, palmtop, receptor, gravador, etc). ïïO descumprimento implicará na eliminação do candidato, constituindo-se tentativa de fraude,ïï afirma a coordenadora, explicando que essa é uma novidade desse vestibular.

Valéria Calmon pede que os candidatos se alimentem bem, pois não poderão sair da sala antes de duas horas e meia de aplicação das provas. Não será permitido copiar o gabarito.

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.