text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Redação sem segredos

      
Lucia Pires

Ao divulgar dois modelos de redação ao caderno Vestibular, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) preferiu não chegar a extremos. Na escala de zero a 10, divulgou textos que, se corrigidos no vestibular, ficariam com notas entre 7 e 8 e entre 3 e 4. A intenção foi a de atingir a maioria dos candidatos.

As análises mostram o quanto a instituição valoriza a autoria e a dissertação na prova. Ou seja, a UFRGS quer saber o que pensa o candidato e como ele organiza e sustenta a sua opinião, seja ela qual for.

- Falta informação e um pouco de maturidade aos alunos para discutir as idéias. Muitas vezes, ele encontram dificuldade porque não entende a pergunta da prova.

Este ano, a avaliação holística (50% da nota) será feita depois de três leituras. Elas buscam identificar o autor e entender os argumentos expostos. Só depois de registrada a nota global é verificada a expressão gramatical. Um roteiro feito para selecionar os melhores. Por isso, praticar é agora o mais importante.

- Aprender a escrever é como andar e falar. ? preciso tropeçar e cair, até acertar - diz Avani de Oliveira, coordenadora do vestibular da UFRGS.

( lucia.pires@zerohora.com.br ) Análise 1. Introdução: a redação focaliza um ângulo do tema proposto e, a partir dele, estabelece a orientação a ser seguida no desenvolvimento: inovar ou acomodar-se? Qual a melhor opção?

2. Ponto de vista do autor: o ser humano é, por natureza, transgressor, fato que lhe assegura condições para renovar-se e para enfrentar os desafios.

3. Fundamentos da discussão: no segundo parágrafo, o autor deixa clara a idéia de que as atitudes transgressoras equivalem à competência, à coragem de aventurar-se e à criatividade. Transgredir significa evoluir. Os atos de inovação, de transformação e de invenção passam a fazer parte dos compromissos do homem diante da sociedade do seu tempo.

O terceiro parágrafo traz exemplos que comprovam a idéia defendida: transgredir é evoluir, por isso a descoberta de vacinas e outros fatores são trazidos como exemplos.

No quarto parágrafo (terceiro do desenvolvimento), o autor reafirma o propósito anunciado na introdução. Refere o ato criador que responde por grandes transformações na história. Salienta tam bém que a transgressão produtiva alia-se a diferentes fatores, além da consciência individual que o move rumo a novas conquistas. Essa argumentação deixa claro que a melhor opção é a de sair da mesmice.

4. Fechamento: o último parágrafo retoma a idéia norteadora do texto, apresentada na introdução e desenvolvida argumentativamente nos três parágrafos seqüentes. A transgressão tem de ser produtiva e harmonizar-se com as aspirações do homem, além de transformar a realidade nas diferentes épocas, legando exemplos para as gerações futuras.

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.