text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Escolha de profissão requer apoio

      
MAGALI SIMONE

Engenharia de produção ou engenharia elétrica? Zootecnia ou veterinária? Para quem está cursando o ensino médio, já é hora de pensar em que profissão seguir e, neste momento, as observações dos pais podem ser fundamentais para ajudar os estudantes.

O conselho é da professora do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Flávia Lemos Abade. Ela acredita que a omissão familiar nesse momento possa contribuir para que os jovens fiquem inseguros ou façam escolhas equivocadas.

"Os pais não devem impor um curso para seus filhos. Mas devem estar disponíveis para conversar sobre as habilidades que notaram ter sido desenvolvidas por seus filhos durante a infância e a adolescência. Isso pode ser fundamental para que o vestibulando possa se conhecer mais e se sentir mais seguro", avaliou.

Ainda conforme Flávia, é importante que, ao longo da vida, os pais estimulem os jovens a desenvolver autonomia, qualidade que, segundo ela, é cada vez mais exigida pelo mercado profissional.

Também para auxiliar nessa escolha, a UFMG realiza até hoje a Mostra das Profissões, que visa orientar estudantes a descobrir sua vocação. Segundo o coordenador do projeto, Antonio Zumpano, com o desenvolvimento tecnológico as profissões se especializaram criando novos segmentos.

"Isso torna a escolha da profissão uma tarefa ainda mais complexa. Por isso, a mostra é importante. Ajuda a tirar dúvidas", afirmou. O estudante Douglas Vinícius Nogueira Reis, 15, visitou a mostra.

Ele está cursando o 1º ano do ensino médio da Escola Estadual Presidente Dutra, de Belo Horizonte.

"Cheguei na mostra com dúvida entre veterinária e zootecnia. Mas depois de participar do evento não tenho mais dúvidas: quero ser veterinário. Conversar com professores e alunos foi fundamental para que eu entendesse que é isso que eu quero", disse.

A UFMG oferece orientação profissional a partir de agosto. Interessados devem ligar para o telefone (31) 3499.5070 de 8h às 18h
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.