text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UFJF: Empresa incubada no CRITT conquista ISO 9001/2000

      
A Ortofarma Laboratório de Controle da Qualidade, empresa incubada no Critt, conquistou a certificação NBR ISO 9001/2000. Segundo Ana Vieira, responsável pelo marketing da Ortofarma, a certificação é importante para aperfeiçoar os processos da empresa e, com isso, garantir a satisfação dos clientes. "Além disso, a conquista do certificado ISO 9001/2000 é só um passo para que possamos nos aprimorar cada vez mais e conquistar outras certificações, como a NBR ISO 17025 e a Reblas, que são próprias para laboratórios", complementa Ana Vieira.

A certificação NBR ISO 17025 especifica os requisitos gerais para a realização de ensaios ou calibrações, incluindo amostragem. Já a certificação Reblas é conferida aos laboratórios habilitados que integrem a Rede Brasileira de Laboratórios Analíticos em Saúde. Esta rede é composta por laboratórios oficiais e privados, autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a prestar serviços de elevada confiabilidade dos resultados analíticos.

Entre os serviços prestados pela Ortofarma estão: análises físico-químicas e microbiológicas de matérias-primas de produtos farmacêuticos; análise de produtos fitoterápicos; análise de produtos manipulados; e análise de água. Localizada no Campus Universitário da UFJF, junto à Incubadora de Base Tecnológica (IBT) do CRITT, desde dezembro de 1999, a empresa atua junto ao setor magistral, de acordo com a resolução RDC número 33 da Anvisa.

Já o Critt, criado em maio de 1995, é o Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da UFJF, vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico (Sedetec). Entre suas atribuições, estão a de gerenciar a política de inovação da UFJF, observadas as diretrizes traçadas pela Sedetec, e coordenar a Incubadora de Base Tecnológica (IBT). Com sua qualificação como NIT, o Critt também assumiu a responsabilidade de zelar pela manutenção da política institucional de estímulo à proteção de criações, licenciamento, inovação e outras formas de transferência de tecnologia.

Fonte: UFJF
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.