text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UFMG: Sotaque estrangeiro só até dois anos

      
A Faculdade de Medicina da UFMG realiza no dia 6 de julho, às 17 horas, na sala 2037, a palestra "Sotaque é questão de audição", que apresenta conclusões da tese de doutorado da professora Érika Parlato, do curso de Fonoaudiologia, desenvolvida na França e no Brasil, concomitantemente. Dentre outras conclusões o estudo afirma que, por questões neurológicas, o ensino de línguas só irá permitir o "aprendizado" do sotaque até os dois anos de idade.

"Casais de nacionalidades diferentes devem conversar com seus filhos cada qual em sua língua natal. Em caso de aulas, as crianças terão melhor aprendizado com professores naturais do país da língua ensinada. É biologicamente impossível um brasileiro, por exemplo, por mais avançados que sejam seus conhecimentos de uma língua, querer falar com o mesmo sotaque de um americano. É Bom que as pessoas saibam disso para reduzir o estresse por não conseguir esta capacitação". Após a palestra, que é gratuita e aberta ao público, a professora de línguas Luziana Lanna debaterá o tema. INSCRIÇÕES E INFORMAÇÕES: CENEX Medicina (Av. Alfredo Balena,190. Sala 9022), de 9 às 12 horas ou de 13h30 às 17 horas.

Fonte: UFMG
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.