text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UFMG: Pesquisa da Medicina recebe Prêmio da Academia

      
Por sua pesquisa "Influência da Hiperbilirrubinemia nos Hormônios Sexuais e na Capacidade Reprodutiva em Modelo Experimental", o patologista clínico Leonardo de Souza, aluno do curso de pós-graduação em Medicina/Cirurgia da Faculdade de Medicina da UFMG, recebe o Prêmio Miguel Couto da Academia Nacional de Medicina, no dia 30 de junho, às 20 horas, no Rio de Janeiro. O trabalho de dissertação de mestrado, coordenado pelo professor Andy Petroianu, e com colaboração de Luiz Ronaldo Alberti, Juliana Ribeiro e Kelly Renata, concluiu que em animais a elevação das taxas de bilirrubina no sangue provoca redução da fertilidade.

A bilirrubina é um pigmento amarelado que compõe a bile, que por sua vez é uma substância tóxica produzida pelo fígado, normalmente excretada pelo intestino, e que auxilia na digestão de alimentos gordurosos. Explicando que a elevação da bilirrubina no sangue pode provocar a icterícia (coloração amarelada nos olhos e na pele), Leonardo Souza afirma que o estudo comprovou, inclusive, "que quando macho e fêmea são ictéricos a reprodução não foi possível". Petroianu avalia que a grande importância do estudo seja sua contribuição para o futuro esclarecimento das dificuldades reprodutivas relacionadas a doenças do fígado em seres humanos.

Como no ano passado o professor Andy Petroianu recebeu o mesmo prêmio, esta é a segunda vez, consecutiva, que a Academia premia a Faculdade de Medicina, e o 77° prêmio do grupo de pesquisas "Avanços em Medicina", que iniciou seus estudos em 1987. O Prêmio Miguel Couto é outorgado a trabalhos inéditos na área de patologia clínica ou experimental. De acordo com o site da Instituição, a Academia Nacional de Medicina dedica-se, desde 1829, a promover e a debater a ciência médica, congregar profissionais de excelência e auxiliar em questões de saúde pública.

Fonte: UFMG
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.