text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Decisão difícil

      
Para Ana Jesuina dos Passos, 24 anos, não foi fácil encontrar a profissão certa. Assim que deixou o ensino médio, Ana passou em biologia e fonoaudiologia. Como o último era noturno, trancou a matrícula e optou por cursar biologia. Depois de seis meses, percebeu que não estava no caminho correto. Com o apoio da família, fez um pré-vestibular e tentou uma vaga na UnB em biblioteconomia. Como não passou, iniciou a graduação em fonoaudiologia. Estava gostando do curso, mas decidiu tentar a UnB mais uma vez. Sem expectativas, teve um bom desempenho e conseguiu a vaga. Resultado: investiu em biblioteconomia e não se arrependeu. "Quando entrei no curso, me apaixonei. Estou formada e realizada", comenta Ana. A jovem lembra que escolher uma profissão é muito difícil aos 17 anos. "Seria interessante conhecermos as carreiras na prática ainda durante a escola", sugere.
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.