text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Juristas aprovam Direito na USP-RP

      
O anúncio de que a Universidade de São Paulo (USP) vai implantar curso de Direito no campus de Ribeirão agradou a comunidade local de juristas. O curso começa a vigorar já no ano letivo de 2008.
Ontem, uma comissão formada por representantes da Ordem dos Advogados do Brasil em Ribeirão Preto, pelo procurador geral da Prefeitura Municipal, Celso de Oliveira Malerba, e pelo promotor de Justiça Marcelo Goulart, se reuniu com a reitora da USP, Suely Vilela, em São Paulo.
?Como houve o anúncio de que o curso terá um enfoque no agronegócio em função da realidade regional, ficamos com um certo receio de que ficasse restrito a um setor só da economia. Mas a reitora nos garantiu que o principal aspecto do curso será a formação humanística do jurista?, explicou o presidente da OAB-RP, Jorge Marcos de Souza.
Para ele, que critica o número excessivo de faculdades e de advogados na região, a nova faculdade de Direito vai elevar a qualidade do ensino jurídico nas instituições particulares da cidade e da região que oferecem esta formação. ?Inquestionavelmente, a faculdade da USP será um centro de excelência do estudo do Direito?, avalia.
João Caldeira de Oliveira Júnior é advogado com mestrado em Direito pela Unesp de Franca. Ele elogia a iniciativa de uma instituição pública de ensino de Direito se instalar na cidade. ?Aqui só tem escola particular. O estudante agora terá a chance de escolher pela pública. E as pessoas vão querer vir para Ribeirão estudar, o que movimenta a economia?.
Para a juíza e professora Flávia Zanferdini, uma dificuldade da USP poderá ser encontrar professores habilitados e disponíveis para integrar o corpo docente.
?Se considerarmos então a exigência do regime de dedicação exclusiva, isso fica ainda mais complicado porque a remuneração é inferior comparada a outras faculdades?.
Estudante do primeiro ano de direito de uma faculdade privada, Larissa Guerreiro Rezende já pensava em transferir seu curso para a Unesp, em Franca. Com a vinda do curso da USP, ela comenta que terá uma possibilidade a mais.

DETALHES
Reitora e diretor dão coletiva hoje em RP

A reitora da USP, Suely Vilela, estará hoje em Ribeirão Preto para tratar da instalação da nova faculdade de Direito e também do processo de instalação de um curso de Educação Física já para o ano letivo de 2008.
·s 11 horas, a reitora concede uma entrevista coletiva no prédio da Prefeitura do Campus da USP de Ribeirão Preto. Também participam da entrevista o diretor provisório do novo curso de Direito que a USP vai instalar na cidade, Antonio Junqueira de Azevedo, e o prefeito do campus, José Aparecido da Silva.
?Aprovado o curso de Direito, nossos esforços vão se concentrar agora para a agilizar o processo de instalação do curso de Educação Física?, disse a reitora anteontem.
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.