text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UFMS abre concurso para professor substituto em Corumbá

      
O Departamento de Psicologia do Campus do Pantanal, unidade da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul em Corumbá, faz a inscrição para a seleção de professor substituto até amanhã, 13 de abril.

A vaga é para a disciplina Psicologia Organizacional da qual o aprovado terá que ministrar aulas com os seguintes temas: Abordagens Psicoterápicas, Pedagogia Terapêutica, Orientação Educacional e Profissional e Técnicas de Exame e Aconselhamento Psicológico II.Os interessados devem apresentar a seguinte documentação das 8h às 10h30 e das 13h30 às 16h, na Secretaria do Departamento de Psicologia:

- Carteira de identidade ou, no caso de estrangeiro o Registro Nacional de Estrangeiro (RNE) e o Passaporte;
- Título Eleitoral, dispensado no caso de estrangeiro;
- Comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral (última eleição), dispensado no caso de estrangeiro;
- Cartão de Cadastro de Pessoa Física (CPF);
- Comprovação de quitação com o Serviço Militar (para os homens), dispensado no caso de estrangeiro;
- Curriculum vitã com os comprovantes correspondentes;
- Diploma de curso de graduação em nível superior em Psicologia, registrado pelo MEC ou certificado/declaração de conclusão do curso, constando que o candidato cumpriu todos os requisitos para a outorga do grau; se expedido por instituição estrangeira deve estar validado e reconhecido por IES nacional nos termos da legislação vigente.

A seleção acontecerá através de prova didática e apresentação de títulos e não serão aceitas inscrições de psicólogos com menos de um ano de experiência profissional. O edital completo está disponibilizado no mural do Departamento de Psicologia do Campus do Pantanal. Outras informações podem ser adquiridas pelo telefone: (67)3234-6834.
ãronáutica quer convocar 543 controladores este ano

A ãronáutica pretende convocar 534 novos controladores até o final do ano. O número foi confirmado nesta quinta-feira, depois que o comandante Juniti Saito, afirmou que cerca de 460 profissionais seriam chamados, mas apenas uma pequena parte deles estará apta para começar a trabalhar imediatamente: 160.

De acordo com a ãronáutica, estes 160 são profissionais que já têm experiência - estão na reserva - e serão chamados novamente devido a assinatura de duas medidas provisórias. Desses, 60 já foram recrutados e estão em fase de treinamento. Os outros 100 postos ainda estão abertos, em fase de contratação.

Outros 160 militares estão participando de um curso extra, com duração de um ano, e 64 civis se formam no final de 2007. Além desses, há os que participam de cursos regulares: são 70 se formando em julho e 80 em dezembro. Conforme o portal Terra, a ãronáutica explicou que, depois de formados, eles ainda precisam passar por um período de treinamento de, no mínimo, um ano antes de atuar no controle do tráfico aéreo.
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.