text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

3¦ Idade descobre o prazer de aprender

      
Desde o dia 13 de março, 80 alunos e alunas com mais de 50 anos de São Cãtano estão assistindo as primeiras aulas da uniMAIS (Universidade Aberta da Terceira Idade). O curso, de dois anos de duração, é totalmente gratuito e destinado aos freqüentadores dos Centros de Convivência da cidade. Além de fazer novos amigos e contar com um diploma universitário no currículo, os alunos estão descobrindo uma nova faceta da melhor idade: o prazer de aprender.

Mantida pela Comtid (Coordenadoria Municipal da Terceira Idade) da prefeitura de São Cãtano, a UniMAIS oferece apenas um curso, com duas turmas divididas em 40 alunos cada. Os temas das aulas são Saúde, Qualidade de Vida, Lazer, Cultura, Artes, Política, Trabalho, Informática e Gerontologia (estudo social do envelhecimento). E não há espaço para moleza: somente estudantes com mais de 75% de freqüência e que entregarem um trabalho de conclusão de curso vão receber o diploma. Todos os alunos receberam materiais didáticos, camisetas e mochilas personalizadas gratuitamente.

"Nosso objetivo é fazer com que eles aprendam com alegria. Existem relatos de pessoas que não puderam estudar na juventude e agora podem realizar um sonho. Fico até emocionado com essas histórias e orgulhoso de participar desse projeto", diz o diretor da universidade, Rubens Azevedo do Amaral.

Quem faz parte das duas primeiras turmas garante que vale a pena voltar a estudar. "Estou gostando muito, resgatando tudo o que não tive oportunidade de fazer na minha época", diz o vendedor aposentado José Marcelino, 69 anos. A também aposentada Esmeralda Munhoz da Cunha, 64, aproveita as aulas para atualizar o conhecimento. "Queria arrumar uma ocupação, achei que estava muito atrasada, mas precisava de estímulo", afirma.

Voltar a uma sala de aula também tem gosto de vitória para Esmeralda. Proibida pelo pai de estudar quando jovem, a aposentada vê um sonho realizado. "Eu até tinha chance de estudar em uma universidade quando nova, mas meu pai achava que isso era coisa só para os homens. Então eu pegava os livros do meu irmão e fingia estudar como ele. Agora tenho a oportunidade e fazer isso de verdade."

Seleção
Apesar de funcionar como uma universidade, o processo de seleção não significou passar pela temida prova de vestibular. Para entrar na uniMAIS, os candidatos deveriam estar inscritos em um dos três Centros de Convivência mantidos pela prefeitura de São Cãtano. As 80 vagas foram preenchidas por sorteio público realizado no dia 5 de março. "Foram 250 candidatos no total, com sorteio percentual. Ou seja, o Centro que possuía mais inscritos, selecionava mais vagas", explica Amaral.

Como a procura foi grande, outras 80 vagas serão abertas no segundo semestre de 2007, com inscrições a partir de julho. Devido à concorrência acirrada para ingressar na primeiro turma da uniMAIS, o diretor aposta que mais pessoas irão se inscrever no meio do ano. "Os alunos comentam sobre o que aprendem, como é divertido participar das aulas. Tenho certeza de que teremos mais candidatos". As aulas ocorrem de terça-feira e quinta-feira, das 14h às 17h, no Campus I do Imes (Universidade Municipal de São Cãtano), que fica na avenida Goiás, 3.400, bairro Barcelona.

Centros de Convivência
Centro Educacional e de Convivência João Nicolau Braido
Rua Humberto de Campos, 600, bairro São José
Telefone: 4238-8063

Centro Educacional e de Convivência Francisco Coriolano de Souza
Rua Dionízio Mercado, 199, bairro Nova Gerti
Telefone: 4231-2406

Centro Social e Recreativo Dr. Moacyr Rodrigues
Rua Rafãl Corrêa Sampaio, 600, bairro Santa Paula
Telefone: 4229-9900
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.