text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Unicamp cria cátedra multilingüismo

      

Quando o professor Fernando Costa, coordenador geral da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), assinou no último dia 22 o convênio que oficializou a "Cátedra Unesco multilingüismo e produção de conteúdo em língua portuguesa no mundo digital", a lingüista Cláudia Wanderley viu materializada uma antiga aspiração: dar voz, na internet, a falantes de línguas minoritárias, investindo na disponibilização e na troca de conteúdo científico produzido em países que têm em comum a língua portuguesa. Vale destacar que 14 instituições de ensino já aderiram ao projeto

Cláudia é a coordenadora do projeto Multilingüismo no Mundo Digital, que já conta com a adesão de pesquisadores e docentes de 14 instituições de Ensino Superior de dez países: Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Öndia (Goa), China (Macau), Timor Leste, Portugal e Brasil. Além da Unesco, apóiam o projeto a Reitoria da Unicamp, por meio da Coordenadoria de Relações Institucionais e Internacionais (Cori), e os ministérios da Educação e da Cultura.

A iniciativa idealizada por Cláudia Wanderley está sendo conduzida, ainda em caráter experimental, por pesquisadores do Laboratório de Estudos Urbanos da Unicamp (Labeurb), onde funcionará a "sede"do projeto - as atividades da Cátedra estão centralizadas na Unicamp. Participam também docentes dos institutos de Linguagem (IEL), Artes (IA) e Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp. Informações podem ser obtidas no endereço www.multilinguismo.unicamp.br.

Fonte: Unicamp

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.