text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Nutrição: saúde que começa pela boca

      

Do Universia

Em tempos de "geração saúde", um tipo de profissional tem ganhado muito espaço na rotina - agitada - das pessoas: o nutricionista. E não é nada difícil entender a importância da nutrição em nossas vidas, uma vez que precisamos comer para viver. Hoje, no entanto, já se entende que a alimentação é muito mais do que combustível para o nosso corpo, pois, além de nos fornecer energia, ela também previne e ajuda na cura de diversas doenças.

? justamente neste campo que atua o nutricionista. Ele é o profissional responsável por ajudar as pessoas a manter práticas alimentares saudáveis e, com isso, melhorar a qualidade de vida. "O profissional de nutrição é o único que conhece e estuda a relação do homem com o alimento, o único habilitado para fazer planos alimentares e dietas. Ele não pensa apenas em resultados imediatos, como emagrecer, por exemplo, mas, principalmente, na saúde das pessoas", explica a coordenadora do curso de nutrição da Uninove (Centro Universitário Nove de Julho), Kátia Gavranich de Camargo.

Mesmo sendo uma profissão recente a demanda de trabalho é muito ampla. "A nutrição tem três áreas principais de atuação: clínica, social e produção de alimentos. Mas, nos últimos anos, outras áreas vêm ganhando destaque, como a nutrição esportiva e estética", acrescenta Rodrigo Valim, professor do curso de nutrição da UnB (Universidade de Brasília). "As áreas de atuação são muito variadas. Dentro de hospitais, restaurantes, clubes ou qualquer lugar em que se produza alimento, é preciso o acompanhamento de um profissional de nutrição", complementa Kátia.

No processo de formação e capacitação dos nutricionistas, investir em especializações e atualizações também é algo fundamental. Isso porque a área está em constante movimento, uma vez que muitas características dos alimentos ainda estão sendo descobertas e pesquisadas. "Os nutricionistas têm que acompanhar essa evolução. Tem que estar sempre de olho nas novidades. E se especializar para aumentar o conhecimento científico da área", conclui Valim.

Leia as entrevistas abaixo e descubra os motivos que levaram uma vestibulanda, uma graduanda e um profissional a escolher o curso de Nutrição:

Idade: 18 anos

Maiara Monteiro da Silva

Idade: 20 anos

Onde estuda: Unicsul (Universidade Cruzeiro do Sul)
Cintia Zanfirov

Idade: 30 anos

Profissão: Nutricionista formada pela Universidade Anhembi-Morumbi

Natália Naomi
Vestibulando - Por que escolheu a profissão?

Tinha dúvida entre fisioterapia e nutrição. Acabei decidindo por nutrição porque acho interessante estudar o efeito dos alimentos no corpo e os benefícios que eles trazem pra nossa saúde.

Graduando - Por que escolheu a profissão?

Estava indecisa entre alguns cursos, pesquisei sobre eles e descobri que gosto da área de saúde e me interesso bastante por alimentos. Cheguei a ficar indecisa entre nutrição e gastronomia.

Profissional - Por que escolheu a profissão?

Queria me formar em uma área ligada a saúde, biologia. Sempre tive curiosidade sobre alimentos, sobre os benefícios que eles trazem. E, em nutrição, o trabalho tem contato direto com pessoas - o que é muito bom.

Vestibulando - O que espera do curso?

Espero que me realize profissionalmente. Que me ensine o que preciso aprender para ser uma boa profissional.

Graduando - O curso corresponde às suas expectativas?

Por enquanto, está correspondendo. Neste momento (Cintia é aluna do quarto semestre), estou tendo aulas práticas que são muito legais.

Profissional - O curso correspondeu às suas expectativas?

Na faculdade que fiz, o curso era mais ligado à cozinha. Disciplinas de administração e como montar dietas. Senti falta da parte clínica, do trabalho em hospitais, avaliações nutricionais.

Vestibulando - Quanto espera ganhar depois de formada?

Em torno de R$ 1.200.

Graduando - Quanto espera ganhar depois de formada?

No começo, entre R$ 900 e R$ 1.000.

Profissional - Quanto ganha?

O piso inicial da profisssão gira em torno de R$ 1.200. Mas quanto mais especializações e tempo de carreira o nutricionista tem, maior é a remuneração.

Vestibulando - O que acha que vai encontrar de melhor na profissão?

Acho que o mais legal vai ser atender os pacientes. Programar dietas que ajudem na recuperação, cuidar das pessoas.

Graduando - O que acha que vai encontrar de melhor na profissão?

Poder ajudar as pessoas a ter uma vida saudável através de uma boa alimentação.

Profissional - O que acha de melhor na profissão?

O fato de ser uma área em movimento, em que sempre há novidades. Agora, por exemplo, fala-se em alimentos funcionais. Os estudos na área estão sempre evoluindo. Com frequência aparecem novidades, o que obriga o profissional a estar sempre atualizado.

Vestibulando - O que você acha que vai encontrar de pior na profissão?

Ainda não sei direito, mas acho que a pouca valorização do profissional de nutrição.

Graduando - O que você acha que vai encontrar de pior na profissão?

Talvez se acontecer, um dia, de eu não conseguir ajudar alguém e essa pessoa me culpar depois.

Profissional - O que você acha de pior na profissão?

A baixa remuneração e a falta de valorização do profissional.

Vestibulando - Que análise você faz da profissão no Brasil?

? uma área que está sendo cada vez mais valorizada, pois as pessoas estão dando mais importância para a alimentação. Nós começamos a nos preocupar em manter uma dieta saudável.

Graduando - Que análise você faz da profissão no Brasil?

? uma área muito importante, pois ajuda as pessoas a viverem melhor tanto fisica quanto psicologicamente. Felizmente, estamos no caminho certo, pois as pessoas estão percebendo a importância dessa profissão.

Profissional - Que análise você faz da profissão no Brasil?

Creio que a nutrição é uma das profissões do futuro. Mas no Brasil a situação ainda é complicada. Mesmo em hospitais somos excluídos, nos confundem com cozinheiros. Sem o devido reconhecimento vai ser cada vez mais difícil aproveitar os benefícios que os profissionais podem trazer para a sociedade.

Vestibulando - Que dica você daria a estudantes que estão em dúvida entre Nutrição e outras áreas?

Aconselho a fazer o mesmo que eu fiz: pesquisar sobre o curso, conhecer o que vai ser estudado na faculdade. Assim você acaba descobrindo o que realmente gosta.

Graduando - Que dica você daria aos estudantes interessados em Nutrição?

Tenham certeza de que é essa a carreira que querem seguir. No começo da faculdade, temos muitas matérias teóricas e muitas pessoas desistem do curso. Nutrição não é só fazer dieta, tem que fazer pesquisa e estar sempre atento às novidades.

Profissional - Que dica você daria aos alunos interessados nessa profissão?

A procurar profissionais da área e pesquisar bastante sobre o curso. Tem que gostar bastante para ser um bom nutricionista.

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.