text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Idéia inovadora muda a vida de uma comunidade

      

Um projeto que chamou a atenção das autoridades estaduais e rendeu prêmio. Foi esse o desfecho da pesquisa de Naína Pierri Estades, que no ano passado ganhou o Prêmio Santander de Ciência e Inovação na categoria Responsabilidade Social. Mais do que prestígio, Naína conseguiu mudar a vida real de muitas pessoas. Os moradores da Vila das Peças, comunidade existente numa ilha do litoral paranãnse, foram diretamente beneficiados pelo trabalho da pesquisadora, que é professora da UFPR (Universidade Federal do Paraná). Foi lá que acabaram implantadas quatro estações de tratamento de esgoto por zona de raízes idealizadas por Naína.

"O governo estadual visitou nosso projeto e manifestou interesse em replicar esse modelo de tratamento de esgoto em comunidades similares da região litorânea, o que viria a atingir um de nossos principais objetivos", conta a pesquisadora. O sucesso no concurso também despertou o interesse de diversas organizações que abraçaram a idéia de Naína e resolveram investir. Entre elas a ONG Engenheiros Sem Fronteiras, ligada à Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, Ecodata, empresa de consultoria na área ambiental, a própria empresa estadual de saneamento do estado, a Sanepar e a catarinense Avesuy, que foi responsável pela doação de materiais para a construção das estações. E ainda este ano, está prevista a construção da quinta estação na comunidade da Vila das Peças.

Mas o trabalho de Naína e seus parceiros pesquisadores não acabou. Ainda neste semestre, eles farão medições e avaliações para checar a eficiência das estações. Além disso, parte do dinheiro da premiação será investido na construção de um barracão que será usado para armazenamento de materiais recicláveis. "Tenho a maior alegria em ver que nosso projeto continua avançando com sucesso", afirma uma satisfeita Naína que vê sua pesquisa mudando a vida das pessoas e funcionando muito além da apresentação perante a banca examinadora.

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.