text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Estudar o futuro para entender o presente

      

Do Universia

Se ainda não aconteceu, como vamos estudar? Com essa questão, teve início a palestra "Como e por que estudar o futuro" ministrada por Fredric Michãl Litto, na 5¦ edição do FUP (Fórum Universitário Pearson).

A discussão levantada questionou o despreparo das Instituições de Ensino em relação a estudos do futuro. "Em nenhuma universidade se estuda o futuro, e é pouco provável que elas passem a ter programas curriculares que preparem seus alunos para saber cuidar do planeta", argumentou Fredric.

Segundo ele, as instituições deveriam dar a base para os alunos pensar no futuro da sociedade: "deveriam ser proativas e não reativas". "Deveriam conscientizar que fazemos parte de um ciclo e que depois de nós outras pessoas habitarão nosso planeta e também vão precisar de recursos, principalmente naturais", acrescentou.

Mas, para ele, é pouco provável que isso aconteça. "Para esses estudos se tornarem parte da realidade educacional, um novo tipo de Instituição de Ensino deve ser criado. Não vamos conseguir mudar as crenças das já existentes", explicou.

Para Fredric, começar do zero é a melhor opção e ele aposta que isso não vai demorar a acontecer, pois já estamos começando a sentir as conseqüências do uso irresponsável da natureza. O aquecimento global é a sua prova.

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.