text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UNE e UBES criam campanha contra corrupção

      

Os estudantes vão ocupar as ruas do Rio de Janeiro no próximo dia 25 de outubro, quinta-feira, para dar início à campanha "Mudar a política para mudar o Brasil!". O objetivo é mobilizar a juventude em um grande movimento nacional para exigir o fim da corrupção, cobrar a punição a todos os culpados e reivindicar a urgente implantação de uma reforma política no país.

A concentração será às 9h30, na Candelária. De lá, os jovens sãm em marcha pela Avenida Rio Branco até a Cinelândia, onde haverá um ato político de lançamento do manifesto com a participação de parlamentares, lideranças dos movimentos sociais e personalidades políticas e artísticas. Atividades também devem ocorrer em outras capitais.

Para a presidente da UNE, Lúcia Stumpf, o sistema político no país precisa ser repensado no sentido de fortalecer as instituições e inibir todas as práticas de corrupção. "Vamos denunciar a corrupção, mas o principal será exigir uma profunda reforma política. Os corruptos e os corruptores sempre vão existir enquanto houver um sistema político frágil, como se apresenta o nosso hoje em dia. Eles se apegaram à prática da corrupção, conhecem todos os meandros e sabem se defender. O momento é de reivindicarmos transformações mais propositivas.", explica.

Já o presidente da UBES, Thiago Franco, afirma que juventude continua presente na participação da vida política do país. "Acreditamos, sim, que a saída para a crise virá pela pressão e mobilização da sociedade civil organizada sobre os poderes instituídos, em todos os níveis, para que se imponha uma nova ordem institucional. Os estudantes mais uma vez estarão à frente de um grande movimento para mudar a cara do Brasil", convoca.

O símbolo adotado pela campanha é o cata-vento, instrumento que na visão dos estudantes aponta o rumo das mudanças: a construção de um verdadeiro projeto de desenvolvimento nacional, com mais distribuição de renda, justiça social e reformas de grande vulto, abrangendo os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, além de setores como a mídia e a Educação.

* Com informações da UNE

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.