text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Unoeste: Licenciatura em Química: faltam profissionais na área

      

Vagas são oferecidas para o curso no Vestibular de Verão da Unoeste do dia 23 de janeiro que está com inscrições abertas

O Curso de Licenciatura em Química da Unoeste tem duração de 6 semestres (3 anos) e já formou 29 turmas. Com o objetivo de preparar professores para atuar no Ensino Fundamental e Médio, proporciona uma base sólida de contingente teórico e prático, o que desperta o interesse para constante atualização e prosseguimento dos estudos em nível de pós-graduação.

De acordo com a coordenadora do curso, Patrícia Alexandra Antunes, a Licenciatura em Química da Unoeste tem atribuições junto ao CRQ (Conselho Regional de Química), o que possibilita que o profissional, além de dar aulas, possa trabalhar também em empresas e indústrias. "Ele pode atuar em atividades técnicas da área, pesquisas científicas em instituições públicas e privadas, vendas e assistência técnica de produtos químicos, desenvolvimento de métodos e produtos, entre diversas outras atividades".

Ela explica que o acadêmico, para cursar essa licenciatura, necessita primeiramente ter afinidades com a área de exatas e estar sempre em busca de conhecimentos. "A Química é a ciência do dia a dia. O estudante, assim como o profissional, precisa estar sempre atualizado".

Em relação ao mercado de trabalho, Patrícia salienta que é amplo e crescente e que os profissionais formados na Unoeste estão empregados e estabilizados em escolas públicas, particulares e indústrias do ramo. "As pessoas muitas vezes se afastam dos cursos de química por acharem que é difícil. Dessa maneira, o profissional está em falta no mercado", completa.

Para Camila Santos Suniga, formada no curso em 2006, o estudante de Química precisa ter muita determinação, perseverança e dedicação, "pois é uma ciência extremamente apaixonante, porém árdua, principalmente quando se trabalha em laboratórios".

A egressa ressalta que após a graduação, ingressou no Curso Superior de Tecnologia em Processos Químicos Industriais (atualmente denominado Produção Sucroalcooleira), também na Unoeste, e que trabalhou em um colégio particular da cidade dando aulas por quatro anos. "Saí para entrar no mestrado na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS). Termino agora em fevereiro de 2010, onde trabalho com química orgânica, mais precisamente com síntese de substâncias análogas e derivadas de compostos com atividades biológicas".

VestVerão Unoeste ? Os interessados neste e nos demais cursos oferecidos no Vestibular de Verão podem se inscrever até o dia 19 de janeiro nas secretarias do Campus I ou pela internet no www.unoeste.br/vestibular

Fonte: Assessoria de Comunicação da Unoeste

  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.