text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

O que você precisa ter em mente antes de se candidatar para uma vaga de emprego

      
<p>   </p><p> Ao mandar um <strong>currículo</strong> para uma <strong>vaga de emprego</strong> ou até mesmo para algum amigo indicar para uma vaga é possível <strong>ter em mente</strong> algumas características do <strong>trabalho</strong>. É importante considerar se a empresa é boa, o ambiente de trabalho agradável e o salário satisfatório. Ter essa noção é importante para se comprometer apenas com as companhias que deseja trabalhar. </p><p>   </p><p><a style=color: #ff0000; text-decoration: none href=https://carreira.universia.com.br/>» Fique por dentro das notícias de carreira do Universia Brasil </a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2008/01/25/422759/eja-os-10-erros-fatais-em-uma-entrevista-emprego.html>» Veja os 10 erros fatais em uma entrevista de emprego</a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none href=https://twitter.com/universiabrasil target=_blank>» Siga o Universia Brasil no Twitter</a></p><p>   </p><p> Muitas pessoas que não fazem isso acabam faltando em entrevistas de emprego e passam para os selecionadores que não tem responsabilidade e interesse em trabalhar naquele local. Mesmo que seu currículo esteja em análise em outras companhias não perca esse compromisso sem avisar anteriormente. </p><p>   </p><p><strong>Confira a seguir quatro dicas para fazer a escolha certa na hora de buscar um emprego: </strong></p><p>   </p><p><strong>1) Tenha uma bússola</strong></p><p>   </p><p> Não comece a procurar trabalhar sem ter em mente quais foram suas últimas experiências, pois às vezes você poderá entrar em um mercado diferente em que não tem habilidade e perfil para atuar. </p><p>   </p><p><strong>Dica:</strong> Antes de mandar currículo ou quando alguma pessoa oferecer uma oportunidade faça algumas perguntas para si mesmo: "Qual empresa precisa das minhas experiências e habilidades?", "Sou um candidato competitivo nesse mercado de trabalho?", entre outras. Com base nessas respostas, faça uma lista de empresas que podem usar seus serviços. Se você quiser mudar de área analise quais capacitações são necessárias ter para essa nova vaga que pretende se candidatar. </p><p>   </p><p><strong>2) Pense antes de agir</strong></p><p>   </p><p> Sair do desemprego é uma meta de todos os trabalhadores. Para isso, também é preciso planejamento. Às vezes, o desespero e a pressa para encontrar uma vaga pode conduzir a aceitar uma oferta que não seja boa. </p><p>   </p><p><strong>Dica:</strong> Pense em que tipo de trabalho gostaria de fazer nos próximos anos e por que razão. Na lista de prós e contras de cada argumento pense nos fatores que estão levando você a tomar certa decisão. </p><p>   </p><p><strong>3) Tenha mais do que um currículo</strong></p><p>   </p><p> Não é apenas o currículo com experiências anteriores que pesa na hora de demonstrar sua experiência profissional. As empresas gostam que os candidatos tenham referências nos trabalhos anteriores. </p><p>   </p><p><strong>Dica:</strong>Pense em alguém que possa escrever uma carta de recomendação. O ideal é que o documento destaque habilidades que sejam indispensáveis para a vaga. É bom que a carta também aponte algum êxito obtido durante sua trajetória na empresa. </p><p>   </p><p><strong>4) Venda suas habilidades</strong></p><p>   </p><p> Aos selecionadores interessa contratar pessoas que mostrem que vão acrescentar algo à empresa com o que ela tem a oferecer. Em época de recessão é preciso de trabalhadores flexíveis e capacitados para diversos tipos de trabalho. </p><p>   </p><p><strong>Dica:</strong> Quanto mais apresentar suas qualidades e habilidades melhor. Em alguns postos é mais difícil aplicar esse conceito, mas o importante é atribuir resultados numéricos ao seu desempenho. </p><p>   </p><p>   </p>

 

Ao mandar um currículo para uma vaga de emprego ou até mesmo para algum amigo indicar para uma vaga é possível ter em mente algumas características do trabalho. É importante considerar se a empresa é boa, o ambiente de trabalho agradável e o salário satisfatório. Ter essa noção é importante para se comprometer apenas com as companhias que deseja trabalhar.

 

» Fique por dentro das notícias de carreira do Universia Brasil
» Veja os 10 erros fatais em uma entrevista de emprego
» Siga o Universia Brasil no Twitter

 

Muitas pessoas que não fazem isso acabam faltando em entrevistas de emprego e passam para os selecionadores que não tem responsabilidade e interesse em trabalhar naquele local. Mesmo que seu currículo esteja em análise em outras companhias não perca esse compromisso sem avisar anteriormente.

 

Confira a seguir quatro dicas para fazer a escolha certa na hora de buscar um emprego:

 

1) Tenha uma bússola

 

Não comece a procurar trabalhar sem ter em mente quais foram suas últimas experiências, pois às vezes você poderá entrar em um mercado diferente em que não tem habilidade e perfil para atuar.

 

Dica: Antes de mandar currículo ou quando alguma pessoa oferecer uma oportunidade faça algumas perguntas para si mesmo: "Qual empresa precisa das minhas experiências e habilidades?", "Sou um candidato competitivo nesse mercado de trabalho?", entre outras. Com base nessas respostas, faça uma lista de empresas que podem usar seus serviços. Se você quiser mudar de área analise quais capacitações são necessárias ter para essa nova vaga que pretende se candidatar.

 

2) Pense antes de agir

 

Sair do desemprego é uma meta de todos os trabalhadores. Para isso, também é preciso planejamento. Às vezes, o desespero e a pressa para encontrar uma vaga pode conduzir a aceitar uma oferta que não seja boa.

 

Dica: Pense em que tipo de trabalho gostaria de fazer nos próximos anos e por que razão. Na lista de prós e contras de cada argumento pense nos fatores que estão levando você a tomar certa decisão.

 

3) Tenha mais do que um currículo

 

Não é apenas o currículo com experiências anteriores que pesa na hora de demonstrar sua experiência profissional. As empresas gostam que os candidatos tenham referências nos trabalhos anteriores.

 

Dica:Pense em alguém que possa escrever uma carta de recomendação. O ideal é que o documento destaque habilidades que sejam indispensáveis para a vaga. É bom que a carta também aponte algum êxito obtido durante sua trajetória na empresa.

 

4) Venda suas habilidades

 

Aos selecionadores interessa contratar pessoas que mostrem que vão acrescentar algo à empresa com o que ela tem a oferecer. Em época de recessão é preciso de trabalhadores flexíveis e capacitados para diversos tipos de trabalho.

 

Dica: Quanto mais apresentar suas qualidades e habilidades melhor. Em alguns postos é mais difícil aplicar esse conceito, mas o importante é atribuir resultados numéricos ao seu desempenho.

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.