text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Sexo adolescente pode afetar o desenvolvimento cerebral, diz pesquisa

      
(Crédito: Lightspring / Shutterstock.com)
(Crédito: Lightspring / Shutterstock.com)

 

O estudo realizado pela Ohio State University College of Medicine, nos Estados Unidos, revela que as experiências sociais durante a adolescência, período em que o cérebro ainda está em desenvolvimento, pode ter consequências amplas.

 

» Fazer sexo todos os dias melhora a qualidade do espermatozóide
» Sexo e agressividade estão intimamente ligados no cérebro
» Estudo diz que sexo pode aumentar o risco de um ataque cardíaco

 

Na pesquisa, feita com hamsters, os animais que copularam mais cedo tinham níveis mais elevados de comportamentos depressivos, alterações no cérebro e tecidos reprodutivos menores em comparação com aqueles que tiveram relações sexuais mais tarde.

 

Os pesquisadores ainda alertaram que o estudo não deve ser usado para promover a abstinência adolescente, já que a pesquisa foi realizada em hamsters e não é certo a mesmo resultado irá acontecer para os seres humanos. Como tal, são necessárias mais pesquisas para compreender os efeitos de relações sexuais durante a puberdade.

 

O estudo foi apresentado em 15 de novembro na reunião anual da Sociedade de Neurociência.

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.