text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Conheça O Julgamento de Páris, de Peter Paul Rubens

      
(Crédito: Wikipédia)
(Crédito: Wikipédia)

 

O Julgamento de Páris é a 127ª obra homenageada pelo projeto Um Pouco de Arte para sua Vida. Seu autor, Peter Paul Rubens é considerado um dos principais das Flandres (atual Bélgica) do século XVII.

 

 

» Confira a lista de todas as obras de arte

» Sobre o projeto "Um pouco de arte para sua vida"

 

A pintura conta uma história complexa, mas as pistas de seu significado podem ser encontradas nos atributos das figuras mitológicas retratadas. A história segue com um texto clássico: Diálogo dos Deuses, de Luciano.

 

Páris, o jovem príncipe troiano, está prestes a dar o pomo de ouro com a inscrição "À mais bela" a uma das três deusas romanas: Juno, Minerva ou Vênus. A disputa acontece depois que Éris, deusa da discórdia, se zanga por não ter sido convidada para uma festa de lançamento. Por esse motivo a deusa lançou o pomo de ouro na multidão, para que Júpiter, o rei dos deuses, escolhesse a vencedora. A ação causou brigas e por fim Júpiter ordenou que Mercúrio, o mensageiro dos deses, pedisse a Páris que julgasse a mais bela.

 

Esse é o momento ilustrado por Rubens. O cenário permitia que ele pintasse os voluptuosos nus femininos pelos quais ficou famoso. As três deusas, nuas, se exibem, para o prazer de Páris. As deusas apresentam uma imagem da beleza ideal, baseada em figuras femininas pintadas por mestres anteriores, como Ticiano e Da Vinci.

 

 

4 detalhes de O Julgamento de Páris se destacam:

1. Páris e Mercúrio:

Páris está vestido como pastor, referência ao seu nascimento. De acordo com a lenda o jovem príncipe troiano foi abandonado por sua mãe depois que ela sonhou que seu filho destruiria Tróia. Mercúrio, o mensageiro dos deuses, está atrás do príncipe, de chapéu com asas e segurando o caduceu, bastão com duas cobras enroladas.

 

 

2. Minerva:

A deusa da guerra e da sabedoria está localizada na extrema esquerda, com as mãos sobre a cabeça. Ela promete à Páris que se ganhar o pomo de ouro lhe dará a vitória em batalha, bem como o dom da intuição.

 

 

3. Vênus:

A deusa do amor, da beleza e da fertilidade é retratada com rosas nos cabelos. Pérolas também aparecem nos cachos, rementendo à lenda do seu nascimento. A promessa de Vênus a Páris é que, caso ganhe o pomo, fará com que a mulher mais bela do mundo apaixone-se por ele. A oferta da deusa funciona e ela vence a disputa.

 

 

4. Juno:

A rainha das deusas, esposa de Júpiter, se exibe a Páris com um xale franjado vermelho-escuro e verde, com a textura de veludo. A oferta da deusa a Páris é de abundância de riquezas na terra e outros bens.

 

O Julgamento de Páris

 

 

Ficha Técnica - O Julgamento de Páris:


Autor: Peter Paul Rubens
Onde ver: National Gallery, Londres, Reino Unido
Ano: 1632 - 1635
Técnica: Óleo sobre madeira
Tamanho: 144,8cm x 193,7cm
Movimento: Barroco

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.