Notícias

Como as superstições podem melhorar seu desempenho

      
Crédito: Shutterstock.com
Crédito: Shutterstock.com

 

As superstições são vistas por muitas pessoas como a criação de mentes irracionais. Por outras, porém, são vistas como fatores de grande capacidade e poder. Para nós, brasileiros, as superstições estão presentes em várias áreas da vida, independente, muitas vezes, da religião. Começar o dia com o pé direito é regra para muitas pessoas. Sal grosso, por sua vez, é para espantar o azar e trazer boa sorte. Cientistas alemães, da Universidade de Köln, desenvolveram uma pesquisa com o objetivo de testar a eficácia de crenças como essas e descobriram que elas podem realmente melhorar o desempenho das pessoas.

 

» Ouvir sua música preferida aumenta o desempenho, diz estudo
» Sentir culpa pode melhorar seu desempenho profissional
» Deu branco? Veja os tipos de memória e como melhorar o desempenho

 

Por meio de quatro experimentos diferentes, os pesquisadores puderam comprovar que acreditar em superstições como palavras de boa sorte, ações como manter os dedos cruzados ou usar amuletos pode trazer uma melhora posterior no desempenho de atividades como golfe, destreza motora, memória e jogos de anagrama. As experiências mostraram que esses benefícios são produzidos por mudanças na auto-eficácia percebida pelos participantes.

 

Recorrer a uma superstição aumentou a confiança dos indivíduos que seriam bem sucedidos nas tarefas, o que, como resultado, melhorou suas performances. Acreditar em algo ou algum ser superior, ou seja, ter fé, é adotado como estratégia de performance por muitas pessoas, inclusive no tratamento do alcoolismo.

 

Organizações como Alcoólicos Anônimos dizem a seus membros que eles são insuficientes e não têm poder para lutar contra o álcool por si mesmos, então devem confiar em um poder maior para encontrar a força para resistir à vontade de beber – e muitos, se não a maioria, dos membros do AA creditam esse poder maior como a razão de sua abstinência.

 

O curioso é que uma minoria dos membros do AA não acredita em Deus. Mesmo assim, essas pessoas são aconselhadas a recorrer a qualquer poder maior que puderem acreditar. Da mesma forma como os outros, esses indivíduos são tão bem-sucedidos quantos os que acreditam em Deus. Crer em algo, seja lá o que for, pode ajudar as pessoas a se sentiram mais confiantes, o que aumenta a motivação e melhora o desempenho, seja ele em tarefas simples ou no combate de doenças mais graves.

 

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.