text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

6 erros fatais em currículos que você não pode cometer

      
6 erros fatais em currículos que você não pode cometer
Crédito: Shutterstock.com

 

O primeiro passo em direção à conquista de um emprego é o seu currículo. É a partir dele que as empresas selecionam os candidatos que acreditam ser ideais para as vagas disponíveis. Por isso, é importante que você saiba exatamente o que deve escrever ou não.

 

Leia também:
» Os itens mais importantes para aprimorar seu currículo
» O que não fazer ao elaborar um currículo
» 5 erros que você não pode cometer no seu currículo

 

A seguir, confira 6 erros fatais em currículos que você não pode cometer:

 

1. Não formatar
Para ter um bom currículo, é importante que você use a formatação correta, seguindo um modelo. Por exemplo, se você criou uma seção para os seus trabalhos anteriores e usou a fonte Times New Roman em negrito no tamanho 14, você deve manter as outras divisões do seu CV da mesma maneira.

 

2. Erros de gramática
Erros de gramática podem arruinar a sua chance de conseguir um novo emprego. Mesmo que alguns deles tenham ocorrido por falta de atenção, o recrutador que estiver com o seu currículo poderá enxergar isso como um reflexo das suas habilidades, que no caso não são exatamente como a empresa demanda. Portanto, revise seu currículo antes de enviá-lo.

 

3. Descrições vagas
É importante que você seja muito específico nas suas descrições e que não deixe informações incompletas. Sempre que for possível incluir dados em números, faça questão de citá-los.

 

4. Informações irrelevantes
Apesar de ser necessário colocar uma boa quantidade de informações, é essencial que você saiba qual é o limite. Não escreva nada que não for relevante às empresas pelas quais você deseja ser contratado.

 

5. Dados pessoais
Não inclua dados pessoais no seu currículo. Saber sobre seus hobbies, pessoas da família e preferências musicais, entre outros, não é relevante para a empresa e faz com que você perca o profissionalismo.

 

6. Uso de gírias
Pode parecer óbvio, mas algumas pessoas estão tão acostumadas a utilizar gírias que podem acabar escrevendo-as no currículo sem perceber. Fique atento a isso e escreva de maneira formal.

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.