Notícias

Telefônica e Santander lançam 1ª plataforma de Moocs com cursos em espanhol e português

      
Foto: Della Rocca Imagens/Divulgação
Foto: Della Rocca Imagens/Divulgação

Os presidentes da Telefônica, César Alierta, e do Banco Santander, Emilio Botín, apresentaram na tarde deste domingo (27), no Rio de Janeiro, a primeira plataforma de e-learning em língua espanhola e portuguesa no mundo: MiríadaX.

Leia também:
» Conheça todas as universidades participantes do III Encontro Internacional de Reitores Universia
» Siga a cobertura do III Encontro Internacional de Reitores Universia





Trata-se de uma plataforma de massive open online course (Mooc’s) – curso online aberto em massa, em inglês -, baseada na aprendizagem colaborativa. Os cursos são livres (qualquer pessoa pode fazê-los independentemente do nível de instrução), gratuitos e a distância. Atualmente, são 33 universidades latino-americanas que oferecem um total de 153 cursos através da MiríadaX, entre elas a prestigiada Universidade de Salamanca, na Espanha. A plataforma conta ainda com uma comunidade de 990 professores e 750 mil alunos inscritos.


"As novas tecnologias são fundamentais para ajudar na propagação do conhecimento. Na América Latina, encontramos uma necessidade crescente de educação e uma geração que demanda claramente por tecnologia. Isso suporta uma base sólida para o sucesso de MiríadaX. Sem conhecimento não há inovação”, falou Alierta.


Do ponto de vista econômico, o presidente da Telefônica destacou a formação e o conhecimento como pontos-chaves na competitividade dos países. “Nesse sentido, a tecnologia e a digitalização são cruciais. MiríadaX é um meio de comunicar-se e de educar-se."


Para Botín, a educação online tem potencial para revolucionar a própria história do mundo. “A imprensa foi uma revolução e, certamente, o conhecimento que pode ser transmitido através da internet é, possivelmente, a próxima grande inovação educacional que temos o privilégio de estar vivendo”, disse.


A plataforma oferece às equipes docentes das 1.290 universidades iberoamericanas parceiras da rede Universia uma plataforma para a publicação e compartilhamento de Moocs. “As universidades enfrentam o desafio de utilizar a tecnologia como elemento de trabalho diário que as ajudem a adquirir uma perpectiva atual e eficaz, além de incorporar estratégias que façam parte ativa da sociedade”, falou Botín.


“As instituições têm a prioridade de adaptar a sua oferta acadêmica ao novo tipo de estudante. A MiríadaX permite que os professores difundam o seu trabalho a todo aquele que tenham necessidade de aprender cada vez mais e melhor. Educação é um objetivo prioritário”, completou Botín.


A apresentação de MiríadaX abre a programação de eventos do III Encontro Internacional de Reitores Universia, que reúne mais de 1.100 universidades de 31 países no Rio de Janeiro, nesta segunda e terça-feira, para discutir o futuro da Educação Superior. Também estavam presentes o CEO da rede Universia, Jaume Pagés; o Reitor da Universidad Nacional Autónoma de México (UNAM), José Narro; Reitor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Joaquim Clotet e o presidente da Conferência dos Reitores das Universidades Espanholas (CRUE) e Reitor da Universidad de Zaragoza, Manuel J. López Pérez. "Concluir um curso em MiríadaX pode ser um ativo muito importante no currículo", falou Pagés.  


Para o Reitor da UNAM, "educação é um bem público que todos os indivíduos devem ter acesso". "O conhecimento é o principal motor da nossa sociedade. Contribui para o desenvolvimento das pessoas e para a resolução de problemas. MiríadaX é um projeto de qualidade que pretende oferecer uma educação de qualidade para milhões de estudantes de todas as partes do mundo. Não se trata de educação de segunda categoria. É uma opção para que as pessoas aprendam e não apenas tenham diplomas", disse.


"É uma plataforma excepcional que oferece cursos online gratuitos para a população independentemente da idade, classe social ou vínculo com a universidade. O ensino online exerce um papel insubstituível em nosso mundo moderno. É uma alavanca em prol do acesso ao conhecimento e da cultura", completou o Reitor da PUC-RS.

 

"Para ter um mundo mais justo precisa ter mais educação. Precisamos trabalhar mais por educação. MiríadaX promove uma educação global, social e acessível. É uma oportunidade de democratizar a educação", finalizou o Reitor da Universidad de Zaragoza, na Espanha.


Brasil no MiríadaX

Em 2014, três universidades brasileiras vão disponibilizar seus cursos em MiríadaX: Unisinos, PUC-RS e Anhembi Morumbi. A partir de agosto, a Unisinos oferecerá um curso sobre Empreendedorismo. Os cursos das demais instituições ainda não têm data prevista de lançamento. "A PUC-RS acaba de assinar um convênio com a MiríadaX. Estou muito otimista. A educação online facilita o acesso ao conhecimento e ao progresso do país", falou o Reitor da da PUCRS, Joaquim Clotet.  



Serviço MiríadaX

A MiríadaX nasceu de uma iniciativa da Telefônica e da Universia, que é promovida pela Divisão Global Santander Universidades. O projeto fomenta a difusão de conhecimento aberto em um Espaço Iberoamericano de Educação Superior, seguindo o caminho de outras iniciativas anteriores como o Open Course Ware, que começou na Universia em 2005. As universidades interessadas em cadastrar seu curso na MiríadaX pode obter mais informações através do e-mail relacionamento@universia.com.br


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.