text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Quem for a favor da violência contra a mulher está correndo um risco, diz professora do Poliedro

      
Fonte: Universia Brasil

Neste domingo (25), os candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 fizeram a tão esperada prova de redação. O tema foi "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira" e, segundo a professora de redação e coordenadora do Ensino Médio do Colégio Poliedro, Daniela Azeinstein, a temática relacionada às questões de gênero no Brasil já era esperada. "Esse tema é muito bem-vindo, já que era uma expectativa dos alunos e dos professores. Particularmente, eu acho que o Enem conseguiu se superar em relação ao ano passado, quando caiu o tema da Publicidade Infantil, que não era ruim, mas gerou uma surpresa negativa nas pessoas que fizeram a prova", comenta.

 

Leia também:

» “Redação do Enem 2015 foi fácil”, afirmam candidatos em SP
» “A mulher é sexo frágil", reclama candidato sobre tema da redação do Enem 2015
» Enem 2015: tudo sobre o 2º dia de provas

 

Cadastre-se aqui para receber novidades sobre o ENEM

Daniela diz que outro ponto positivo é que a proposta da redação do Enem 2015 é bastante acessível, permitindo que tanto o candidato mais preparado, quanto o menos preparado para a prova tenham condições de articular argumentos sobre a questão. "Eu imagino que o aluno mais informado irá se destacar com uma argumentação mais amadurecida, mas o aluno que tem mais dificuldade, que não tenha tido tanto acesso a informações sobre a discussão, também vai conseguir discutir essa redação, já que é um tema que está na pauta do nosso cotidiano", explica.

 

Para a professora do Poliedro, o maior problema dessa redação é que, inevitavelmente, ainda existem pessoas no nosso país que não concordam com a igualdade de gênero. "Entre os candidatos, existem pessoas com esse perfil ideológico também. Ou elas terão que se adaptar e escrever uma redação que não seja condizente com o que elas pensam ou, se elas optarem por serem honestas, correrão o risco de ter a redação zerada, já que é muito claro no edital do Enem que qualquer tipo de violação aos Direitos Humanos é motivo para anular a redação", adverte.

 

A professora acredita que, por estar intimamente ligada aos Direitos Humanos, a proposta não dá espaço para que o aluno exercite diferentes opiniões. "Uma coisa ficou clara: o posicionamento do aluno deve ser contrário à violência. O Enem determinou o posicionamento, ao contrário do ano passado, que foi sobre Publicidade Infantil, em que o aluno podia defendê-la ou atacá-la. Aqueles que saírem disso podem estar correndo um risco", explica.

 

Sobre a força simbólica e representatividade do tema envolvendo a violência contra a mulher, Daniela diz que já não era sem tempo de aparecer em uma grande prova como o Enem. "Muitas pessoas ainda fogem dessa discussão e agora o Enem, que tem milhões de inscritos, obrigou todos os candidatos a entrarem nesse debate. Já estava mais do que na hora de trazer essa pauta", opina. Para ela, não só a redação, mas a prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias também trouxer questões relacionadas aos grupos sociais que sofrem com a marginalização.

 

Critérios de correção da redação do Enem

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), para conseguir nota 1000 o estudante precisava mostrar domínio da modalidade escrita formal, capacidade de selecionar, organizar e interpretar informações, respeitando sempre tema e os Direitos Humanos.

 

Redação nota zero no Enem, seguindo os critérios do Inep, é aquela que apresentou fuga total ao tema e não obedeceu a estrutura dissertativo-argumentativa. Textos com até sete linhas, desenhos e que trouxessem argumentos desrespeitosos aos direitos humanos também são avaliados com nota zero. Cada redação é avaliada por, pelo menos, dois professores, sem que um saiba previamente a nota dada pelo outro.

 

Segundo dia do Enem 2015

Neste domingo (25), os alunos fizeram as provas de Linguagens e Códigos, Matemática e Redação. A prova conta, ao todo, com 90 questões e duração de 5 horas e meia, contando 1 hora para a realização da redação. No sábado, os candidatos fizeram as provas de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias, que também somavam um total de 90 questões.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.