text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Professor: como os games podem inspirar seu método de ensino

      
Fonte: Shutterstock

Quando se fala em mundo dos games, a primeira coisa que costuma vir à cabeça é a diversão. Contudo, os jogos também podem ser úteis para a construção do aprendizado nas escolas. Diante de novas tendências como a gamificação, muitos professores têm usado os videogames como inspiração para as suas aulas. A grande questão é saber como relacionar dois universos que na teoria são completamente diferentes, podem apresentar características em comum.

Você pode ler também:
» Professor: aplique 4 métodos para tornar sua aula mais dinâmica
» Professor: 5 livros para aprender sobre a educação do futuro
» Todas as notícias de Educação

Diante disso, separamos a seguir 5 métodos de ensino para que a sua aula funcione na dinâmica dos games. Confira abaixo:


1 - Peça a sugestão da turma

É interessante permitir que os alunos participem da elaboração das aulas fazendo sugestões de atividades que gostariam de experimentar. Isso ajuda a criar um ensino mais colaborativo e construtivo para ambas as partes.


2 - Permita os erros dos alunos

Como professor, você não deve punir ou condenar as falhas dos seus alunos, mas sim ajudá-los a transformar o erro em aprendizado. Portanto, procure ter o hábito de dar feedbacks constantes à turma, conversando com os alunos individualmente para apontar os pontos em que eles podem melhorar. Lembre-se de que, assim como nos games, na escola também deve ter sempre espaço para recomeçar.


3 - Estimule as atividades em grupo

Procure realizar atividades em grupo durante as aulas. Além de ser uma ótima forma para engajar os estudantes, fazendo com que cada um deles identifique sua própria função, essa prática pode aumentar a segurança e a autoconfiança dos alunos enquanto estiverem trabalhando juntos. Como num jogo, o trabalho em equipe na sala de aula também é essencial.


4 - Acompanhe o progresso dos alunos

Assim como um jogador de videogame pode acompanhar o quanto está avançando no jogo, o aluno também pode acompanhar o seu próprio progresso ao longo do ano letivo. Por isso, é interessante, ao invés de focar em notas e pontuações, priorizar o feedback da turma durante as aulas.


5 - Proponha desafios

Se nos games, os jogadores são constantemente desafiados, por que não propor desafios aos alunos na sala de aula? Procure incentivar os alunos a participarem de atividades que os estimulem a sair da zona de conforto, para que eles consigam se desenvolver cada vez mais.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.