text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

7 motivos para estudar música

      
<p>“Se não fosse físico, acho que seria músico. Eu penso em termos de músicas. Vejo minha vida em termos de música”. A frase anterior foi dita por um dos maiores cientistas da história da humanidade, <strong><a title=Veja os conselhos de Albert Einstein para aprender mais href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2015/09/24/1131621/veja-conselhos-albert-einstein-aprender.html>o físico e criador da teoria da relatividade, Albert Einstein</a></strong>.</p><p> </p><p><span style=color: #333333;><strong>Você pode ler também:</strong></span><br/><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=Aprender música na adolescência ajuda a desenvolver outras habilidades, diz estudo href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2015/07/21/1128626/aprender-musica-adolescencia-ajuda-desenvolver-outras-habilidades-diz-estudo.html>» <strong>Aprender música na adolescência ajuda a desenvolver outras habilidades, diz estudo</strong></a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=20 músicas ideais para os estudos href=https://noticias.universia.com.br/educacao/noticia/2015/04/07/1122806/20-musicas-ideais-estudos.html>» <strong>20 músicas ideais para os estudos</strong></a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=Todas as notícias de Educação href=https://noticias.universia.com.br/educacao>» <strong>Todas as notícias de Educação</strong></a></p><p> </p><p>Aos seis anos de idade, o jovem Einstein já estudava violino com ajuda de sua mãe e, aos 23, montou sua própria banda e começou a tocar em bares e encontros de intelectuais. Esse é apenas um exemplo de uma <strong>pessoa bem-sucedida</strong> que tinha a música como uma de suas atividades prediletas.</p><p> </p><p>Estudos já comprovaram o chamado<strong> “Efeito Mozart”</strong>, que aponta <strong><a title=6 atividades que podem aumentar sua capacidade cerebral href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2015/09/10/1131048/6-atividades-podem-aumentar-capacidades-cerebrais.html>uma melhora na atividade cerebral e na capacidade de aprender</a></strong> daqueles que estudam um instrumento musical ou, simplesmente, escutam muita música.</p><p> </p><p>A seguir, veja <strong>4 motivos para estudar música</strong> e comece, agora mesmo, a incluir essa atividade na rotina:</p><p><br/><strong>1 – Melhora a confiança e criatividade</strong><br/><br/> Fazer música nada mais é do que um processo criativo. Quando você toca instrumento está instigando sua mente a criar uma coisa completamente nova, a partir de um simples objeto. O instrumento é somente um canal entre sua criatividade e a execução de um projeto.</p><p> </p><p><strong>2 – Ensina a trabalhar em equipe</strong></p><p>Quem se apresenta em grupos musicais, bandas e orquestras sabe que fazer música é uma <strong>atividade colaborativa</strong>. Não basta ser muito bom e trabalhar sozinho. É preciso se dedicar à equipe e encontrar a harmonia em conjunto, o que também vale para a vida corporativa.</p><p> </p><p><strong>3 – Inovar e criar novas conexões</strong><br/><br/> Quando você toca um instrumento, não está apenas tocando uma única nota. É preciso reproduzir uma mistura de notas diferentes para criar uma melodia. Assim como na música, em que é preciso conhecer todas as notas disponíveis para produzir o melhor resultado final possível, no escritório, na escola e na faculdade também é essencial visualizar todos os processos e possibilidades para entregar um bom projeto.</p><p> </p><p><strong>4 – Melhora disciplina e dá concentração</strong><br/><br/> No início, aprender a fazer música é uma tarefa bastante difícil, que exige muito foco e dedicação. Apesar de muitos serem talentos natos, a maioria das pessoas não nasce sabendo tocar um instrumento. No entanto, após muita dedicação, concentração e determinação, é emocionante ver que conseguimos produzir uma bela melodia. O mesmo raciocínio deve ser aplicado a outras áreas das nossas vidas.</p>
Fonte: Shutterstock

“Se não fosse físico, acho que seria músico. Eu penso em termos de músicas. Vejo minha vida em termos de música”. A frase anterior foi dita por um dos maiores cientistas da história da humanidade, o físico e criador da teoria da relatividade, Albert Einstein.

 

Você pode ler também:

» Aprender música na adolescência ajuda a desenvolver outras habilidades, diz estudo
» 20 músicas ideais para os estudos
» Todas as notícias de Educação

 

Aos seis anos de idade, o jovem Einstein já estudava violino com ajuda de sua mãe e, aos 23, montou sua própria banda e começou a tocar em bares e encontros de intelectuais. Esse é apenas um exemplo de uma pessoa bem-sucedida que tinha a música como uma de suas atividades prediletas.

 

Estudos já comprovaram o chamado “Efeito Mozart”, que aponta uma melhora na atividade cerebral e na capacidade de aprender daqueles que estudam um instrumento musical ou, simplesmente, escutam muita música.

 

A seguir, veja 4 motivos para estudar música e comece, agora mesmo, a incluir essa atividade na rotina:


1 – Melhora a confiança e criatividade

Fazer música nada mais é do que um processo criativo. Quando você toca instrumento está instigando sua mente a criar uma coisa completamente nova, a partir de um simples objeto. O instrumento é somente um canal entre sua criatividade e a execução de um projeto.

 

2 – Ensina a trabalhar em equipe

Quem se apresenta em grupos musicais, bandas e orquestras sabe que fazer música é uma atividade colaborativa. Não basta ser muito bom e trabalhar sozinho. É preciso se dedicar à equipe e encontrar a harmonia em conjunto, o que também vale para a vida corporativa.

 

3 – Inovar e criar novas conexões

Quando você toca um instrumento, não está apenas tocando uma única nota. É preciso reproduzir uma mistura de notas diferentes para criar uma melodia. Assim como na música, em que é preciso conhecer todas as notas disponíveis para produzir o melhor resultado final possível, no escritório, na escola e na faculdade também é essencial visualizar todos os processos e possibilidades para entregar um bom projeto.

 

4 – Melhora disciplina e dá concentração

No início, aprender a fazer música é uma tarefa bastante difícil, que exige muito foco e dedicação. Apesar de muitos serem talentos natos, a maioria das pessoas não nasce sabendo tocar um instrumento. No entanto, após muita dedicação, concentração e determinação, é emocionante ver que conseguimos produzir uma bela melodia. O mesmo raciocínio deve ser aplicado a outras áreas das nossas vidas.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.