text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Enem 2017 teve o menor nº de inscrições confirmadas desde 2013

      
Enem 2017 teve o menor nº de inscrições confirmadas desde 2013
Enem 2017 teve o menor nº de inscrições confirmadas desde 2013  |  Fonte: Universia Brasil

ENEM: SIMULADO + PLANO DE ESTUDOS GRÁTIS!

CADASTRE-SE!

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 registrou o menor número de inscrições confirmadas desde 2013. No total, foram 6.135.418. As provas acontecem em 5 e 12 de novembro.

O Inep considera confirmadas as inscrições de participantes que pagaram a taxa de inscrição no prazo – que foi encerrado em 24 de maio – e os que obtiveram isenção. A expectativa, porém, é que esse número aumente após a avaliação dos recursos de quem não conseguiu a gratuidade, o que deve acontecer após 25 de junho, data limite para recorrer.

O Enem 2016 registrou 8,6 milhões de inscrições confirmadas, em 2015, o número foi de 7,7 milhões. O Inep afirma que a queda se dá ao fato de o exame não ser mais um certificado de conclusão do Ensino Médio.

Saiba tudo sobre o Enem 2017

PEDIDOS DE ISENÇÃO

Das inscrições confirmadas, 15% tiveram isenção por meio do Decreto, 28% conseguiram pela Lei e 24% tiveram gratuidade automática. Vale lembrar que podiam solicitar a isenção de taxa todos os estudantes da rede pública, para participantes que declararem ser membros de famílias de baixa renda ou estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica e também para os cadastrados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

O órgão havia anunciado que todos os estudantes que haviam pedido a isenção e sido negados teriam direito a recorrer. No entanto, em nova nota, o Inep informou que somente aqueles que não efetuaram o pagamento da taxa – que este ano custou R$ 82 – poderão entrar com o recurso. O prazo para pagar o valor terminou no dia 24 de maio.

Segundo o Inep, não houve erro no sistema de inscrição e os critérios de concessão foram alterados a fim de evitar fraudes. Agora, a plataforma cruza os dados com o Ministério do Desenvolvimento (MD) para extinguir a auto declaração.

Só serão avaliados os recursos de quem enviar documentação que comprove condições socioeconômicas que impedem o pagamento da taxa. Com isso, o órgão espera que o número de inscrições aumente. O Inep solicita que os estudantes liguem para o 0800 616161 para obter informações sobre o endereço para onde os documentos devem ser enviados.

AUMENTO DA TAXA

A taxa deste ano é 20% mais cara do que a de 2016. Segundo o Inep, entre 2000 e 2014, a taxa manteve-se em R$ 35. Em entrevista coletiva para apresentação do edital, a presidente do instituto, Maria Inês Fini afirmou que o governo arca com um terço do valor do exame. “Esse valor ainda não é o suficiente para cobrir todas as despesas do Enem”, afirmou. Em 2016, a prova teve um custo de R$ 91,49 por participante, um valor R$ 23,49 acima do cobrado na inscrição.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.