text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Conheça um dos maiores laboratórios de Física do mundo

      
<p>Os professores de Física Diogo Chitolina e Vinícius Jacques, do<strong><a title=Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) href=https://linkdigital.ifsc.edu.br/ target=_blank>Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC)</a></strong>, realizaram o maior sonho de todo pesquisador e estudioso da matéria. Os dois foram até Genebra, na fronteira da França com a Suíça, para visitar <strong>A Organização Europeia para Pesquisa Nuclear</strong>, popularmente conhecida como <strong>CERN</strong>, onde está localizado um dos maiores aceleradores de partículas do mundo, o LHC. A experiência foi uma parceria entre a <strong>Sociedade Brasileira de Física (SBF)</strong> e a <strong>Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes)</strong>.</p><p> </p><p><span style=color: #333333;><strong>Você pode ler também:</strong></span><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=Entenda Física com 5 games online e gratuitos href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2015/06/30/1127550/entenda-fisica-5-games-online-gratuitos.html>» <strong>Entenda Física com 5 games online e gratuitos</strong></a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=5 cientistas que fizeram a diferença durante o século XX href=https://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2016/03/02/1136905/5-cientistas-fizeram-diferenca-durante-seculo-xx.html>» <strong>5 cientistas que fizeram a diferença durante o século XX</strong></a><br/><a style=color: #ff0000; text-decoration: none; text-weight: bold; title=Todas as notícias de Educação href=https://noticias.universia.com.br/educacao>» <strong>Todas as notícias de Educação</strong></a></p><p> </p><p><strong> O que é o LHC?</strong></p><p><strong><img src=https://imagenes.universia.net/gc/net/images/educacion/c/co/con/conheca-um-maiores-laboratorios-fisica-mundo-texto.jpg alt=width=500 height=350/></strong></p><p> </p><p>O LHC é um grande colisor de hádrons, que são partículas de forte interação, tendo como seus maiores exemplos os prótons, de carga positiva. A estrutura do LHC se assemelha a um túnel de metal, com 8,6 quilômetros de extensão, onde esses prótons são submetidos a experimentos de colisão, na tentativa de descobrir os resultados desse intenso “empurra-empurra” de partículas, além de entender a origem e o destino do universo.</p><p> </p><p>Com o objetivo de produzir mais conhecimento sobre o tema e mostrar aos estudantes e acadêmicos brasileiros o funcionamento do colisor, além do dia a dia dos cientistas que trabalham no centro de pesquisas, Chitolina e Jacques produziram o <strong>documentário <em>Viagem ao CERN</em></strong>, resultado de sua experiência de dez dias em um dos <strong>maiores laboratórios de Física do mundo</strong>.</p><p> </p><p>Os dois físicos acreditam que o vídeo é, além de informativo, uma forma de brincar com o imaginário das pessoas, já que o tema nos faz embarcar em uma aventura digna dos filmes de ficção científica. Para os dois professores, <strong><a title=5 documentários do Netflix para assistir nas férias href=https://noticias.universia.com.br/cultura/noticia/2015/12/09/1134581/5-documentarios-netflix-assistir-ferias.html>o documentário irá auxiliar na popularização da ciência</a></strong>, aproximando os alunos de conceitos e conhecimentos mais complexos da física.</p><p> </p><p>“Eu mostrei para duas turmas que eu tenho no ensino médio regular. Eles ficaram os 16 minutos bastante compenetrados”, disse o professor Vinícius Jacques, que também comemorou o sucesso do filme nas redes sociais, com 50 mil visualizações no Facebook em apenas 48 horas.</p><p> </p><p>A seguir, assista ao documentário <em><strong>Viagem ao CERN</strong></em>e <strong>aprenda um pouco mais sobre Física</strong>, partículas e o futuro da ciência:</p><p><iframe src=https://www.youtube.com/embed/OW1dL6EYKDA width=560 height=315 frameborder=0 allowfullscreen=allowfullscreen></iframe></p>
Autor: Patrice Loiez  |  Fonte: CERN

Os professores de Física Diogo Chitolina e Vinícius Jacques, doInstituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC), realizaram o maior sonho de todo pesquisador e estudioso da matéria. Os dois foram até Genebra, na fronteira da França com a Suíça, para visitar A Organização Europeia para Pesquisa Nuclear, popularmente conhecida como CERN, onde está localizado um dos maiores aceleradores de partículas do mundo, o LHC. A experiência foi uma parceria entre a Sociedade Brasileira de Física (SBF) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

 

Você pode ler também:
» Entenda Física com 5 games online e gratuitos
» 5 cientistas que fizeram a diferença durante o século XX
» Todas as notícias de Educação

 

 O que é o LHC?

 

O LHC é um grande colisor de hádrons, que são partículas de forte interação, tendo como seus maiores exemplos os prótons, de carga positiva. A estrutura do LHC se assemelha a um túnel de metal, com 8,6 quilômetros de extensão, onde esses prótons são submetidos a experimentos de colisão, na tentativa de descobrir os resultados desse intenso “empurra-empurra” de partículas, além de entender a origem e o destino do universo.

 

Com o objetivo de produzir mais conhecimento sobre o tema e mostrar aos estudantes e acadêmicos brasileiros o funcionamento do colisor, além do dia a dia dos cientistas que trabalham no centro de pesquisas, Chitolina e Jacques produziram o documentário Viagem ao CERN, resultado de sua experiência de dez dias em um dos maiores laboratórios de Física do mundo.

 

Os dois físicos acreditam que o vídeo é, além de informativo, uma forma de brincar com o imaginário das pessoas, já que o tema nos faz embarcar em uma aventura digna dos filmes de ficção científica. Para os dois professores, o documentário irá auxiliar na popularização da ciência, aproximando os alunos de conceitos e conhecimentos mais complexos da física.

 

“Eu mostrei para duas turmas que eu tenho no ensino médio regular. Eles ficaram os 16 minutos bastante compenetrados”, disse o professor Vinícius Jacques, que também comemorou o sucesso do filme nas redes sociais, com 50 mil visualizações no Facebook em apenas 48 horas.

 

A seguir, assista ao documentário Viagem ao CERNe aprenda um pouco mais sobre Física, partículas e o futuro da ciência:


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.