text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Dicas valiosas para quem é o primeiro da família a entrar na faculdade

      
Fonte: Shutterstock
Com o aumento da acessibilidade da educação, o número de pessoas a ser a primeira geração da família a entrar numa faculdade aumentou. Se você é o primeiro da sua família a entrar na faculdade, leia a seguir 4 dicas valiosas para lidar com a possível pressão:

Leia também:
» Todas as notícias sobre educação

1 - Lide com o impacto psicológico
É comum que estudantes de primeira geração se sintam culpados, como se estivessem de alguma maneira deixando a família para trás para estudar. Jennifer Magas, advogada trabalhista e professora de inglês na Fairfield University explica que: “esses estudantes sofrem uma grande pressão para ir bem, sabendo que seus pais não tiveram a mesma oportunidade, eles podem sentir que não merecem estar lá”. Ela diz que sentir-se como um intruso ou impostor dentro da faculdade também é uma reação comum.

Se você está se sentindo assim, procure conversar com alguém. Pode ser algum colega ou professor, ou até mesmo algum grupo da internet. Existem aplicativos e sites como o Buzzr que conectam você a estranhos, e são uma ótima ferramenta para desabafar. Procure se informar também se a sua universidade tem algum tipo de acompanhamento psicológico. Lembre-se que a sua saúde mental é tão importante quanto a física.

2 - Conectar-se a seus colegas pode ser um suporte valioso
Não é raro que estudantes de primeira geração se sintam isolados na faculdade, especialmente quando não se tem um entendimento completo da vida universitária. Entrar na faculdade já é difícil para todos, e a situação só é agravada se você não tem com quem falar e seus pais não podem ajudar.

É importante construir uma rede de contatos na faculdade. Converse com colegas que tem algo em comum com você, seja uma aula, uma série ou um hobbie. Se você sente que ninguém tem nada em comum com você, crie essa semelhança: procure participar de atividades extracurriculares, como times esportivos ou clubes formados na universidade. Lembre-se que você e seus colegas são iguais, e provavelmente passando por coisas parecidas. Fale com eles.

3 - Procure financiamento
A faculdade pode ser uma experiência cara. Se você precisar de financiamento financeiro, não se esqueça que você pode conseguir uma bolsa de estudos. Além das oferecidas pelo governo, bolsas socioeconômicas são oferecidas pela maior parte das universidades particulares. Procure se informar sobre as bolsas oferecidas para as faculdades e cursos do seu interesse. Lembre-se que você não precisa fazer isso sozinho.

4 - Um pouco de preparação faz toda a diferença
A faculdade é academicamente desafiadora para todos, e é importante não deixar esses desafios se tornarem problemas. Mesmo que não tenha muito a ser feito para adiantar seu currículo, manter a organização e a mente limpa ajuda bastante. “Estudantes em aulas rigorosas devem priorizar seu tempo”, diz Tosin Williams, fundador da The Learning Period. “Eu já vi muitos estudantes caírem na armadilha de pensar que só estudar mais resolver, sem pensar exatamente no que vai ser estudado e quando”.

Se uma aula começar a ficar puxada demais, elabore um plano de estudo claro, com horários e conteúdos a serem estudados. A organização é muito importante para garantir que tudo dê certo. Lembre-se que só porque não foi feito antes, não significa que você não pode fazer agora.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.