text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Lista com o desempenho das escolas no ENEM 2015 será divulgada novamente

      
<blockquote style=text-align: center;><a href=https://www.universiaenem.com.br/ class=enlaces_med_registro_universia title=nosso guia target=_blank id=REGISTRO USUARIOS rel=nofollow>Universia Enem</a>: conheça a plataforma digital e gratuita de estudos para o Enem</blockquote><p>O <a href=https://www.inep.gov.br/ title=Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) target=_blank>Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira)</a> reconheceu que ocorreu <a href=https://noticias.universia.com.br/educacao/noticia/2016/10/04/1144287/inep-publica-desempenho-escolas-enem-2015.html title=INEP publica desempenho das escolas no ENEM 2015>um equívoco na lista do desempenho das escolas no Enem 2015</a>. A lista divulgada não incluía a maior parte das escolas federais. <strong>Das 275 escolas, apenas 12 constavam na lista</strong>. De acordo com o instituto, o erro foi devido a uma interpretação equivocada da legislação. Uma nova lista deve sair até o fim do mês de outubro.</p><p><span style=color: #333333;><strong>Leia também:</strong></span><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/tag/not%C3%ADcias-enem-2016 title=Todas as notícias sobre o Enem 2016>» <strong>Todas as notícias sobre o Enem 2016</strong></a></p><p>A ausência das escolas chamou a atenção de funcionários e alunos de escolas federais, e originou protestos sob a <strong>hashtag #iftambémfazenem</strong>.</p><p>O INEP justificou que o erro aconteceu por não terem sido considerados como Ensino Médio cursos técnicos integrados ao ensino regular.</p>
Fonte: Universia Brasil
Universia Enem: conheça a plataforma digital e gratuita de estudos para o Enem

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) reconheceu que ocorreu um equívoco na lista do desempenho das escolas no Enem 2015. A lista divulgada não incluía a maior parte das escolas federais. Das 275 escolas, apenas 12 constavam na lista. De acordo com o instituto, o erro foi devido a uma interpretação equivocada da legislação. Uma nova lista deve sair até o fim do mês de outubro.

Leia também:
» Todas as notícias sobre o Enem 2016

A ausência das escolas chamou a atenção de funcionários e alunos de escolas federais, e originou protestos sob a hashtag #iftambémfazenem.

O INEP justificou que o erro aconteceu por não terem sido considerados como Ensino Médio cursos técnicos integrados ao ensino regular.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.