text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Enem 2016: como deixar o seu cérebro pronto

      
<blockquote style=text-align: center;><a href=https://www.universiaenem.com.br/ class=enlaces_med_registro_universia title=nosso guia target=_blank id=REGISTRO USUARIOS rel=nofollow>Universia Enem</a>: conheça a plataforma digital e gratuita de estudos para o Enem</blockquote><p>Qualquer um que já passou uma tarde estudando, ou prestou uma prova longa, sabe que o cérebro pode ficar saturado e trabalhar de maneira menos eficiente. Algumas pessoas têm dores de cabeça, outras só ficam com o raciocínio lento. Esse é o resultado de um cérebro sobrecarregado, e você não quer sentir os efeitos disso no <strong>Enem 2016</strong>. Felizmente, existem algumas coisas que você pode fazer para evitar que o seu cérebro se canse demais durante a prova. Leia a seguir.</p><p><span style=color: #333333;><strong>Leia também:</strong></span><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/tag/notícias-enem-2016 title=Enem 2016>» <strong>Todas as notícias sobre Enem 2016</strong></a><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/educacao/noticia/2016/10/21/1144846/estudante-nota-mil-enem-da-dicas-fazer-boa-redacao.html title=Estudante nota mil no Enem dá dicas de como fazer uma boa redação>» <strong>Estudante nota mil no Enem dá dicas de como fazer uma boa redação</strong></a></p><p><strong>1. Pratique a arte de não pensar</strong><br/> Nos dias antecedendo a prova, e principalmente no próprio dia, procure separar algum tempo para não pensar em nada. Sim, essa é uma daquelas coisas que são mais fáceis na teoria que na prática. Nossos cérebros estão programados para pensar constantemente, e simplesmente parar pode ser uma experiência difícil e estranha. Mas vale a pena o esforço.</p><p>As técnicas de meditação vêm mostrando resultados há séculos, como grandes recursos para aliviar estresse, aumentar a concentração, melhorar o funcionamento do cérebro, a qualidade do sono e vários outros benefícios. Existem vários métodos de meditação (não necessariamente envolvendo quartos escuros e pernas cruzadas), procure o que mais se encaixa com você!</p><p><strong>2. Faça pausas estratégicas</strong><br/> As revisões são um período de estudo estressante, mas principalmente nessa etapa do ano, a última coisa que você quer é manter o seu <a href=https://noticias.universia.com.br/cultura/noticia/2015/05/04/1124485/estressado-trabalho-confira-5-sites-colorir-podem-ajudar-relaxar.html title=Está estressado no trabalho? Confira 5 sites para colorir que podem te ajudar a relaxar>cérebro preocupado</a>. Por isso, faça pausas entre seus estudos. Um estudo recente de Harvard mostrou que quando alguém trabalha intensamente por mais de 90 minutos, o corpo humano automaticamente entra em estado de “lutar ou fugir”.</p><p>Para impedir que isso aconteça, <a href=https://noticias.universia.com.br/estudar-exterior/noticia/2016/03/17/1137464/3-motivos-deve-dormir-bem.html title=3 motivos por que você deve dormir bem target=_blank>tire sonecas durante o dia</a>. Acomode no seu horário, entre cada 90 minutos de estudo, ao menos 15 minutos de sono. A técnica, também conhecida como power nap, no curto prazo aumenta o poder de concentração do cérebro, e no longo prazo reduz o estresse.</p><p><strong>3. Tenha com quem conversar</strong><br/> Muitos estudantes podem acidentalmente se isolar de amigos e familiares nessa época do ano. Não deixe que isso aconteça com você. Mesmo para quem estuda em grupo, conversar com alguém que não está diretamente envolvido com a prova é ótimo para que você tenha uma visão mais ampla da sua vida. Passar todo o seu tempo estudando pode dar a impressão de que a prova é mais importante do que ela é, e manter conexões saudáveis mostra que na verdade o vestibular é só mais uma parte da sua vida.</p>
Fonte: Shutterstock
Universia Enem: conheça a plataforma digital e gratuita de estudos para o Enem

Qualquer um que já passou uma tarde estudando, ou prestou uma prova longa, sabe que o cérebro pode ficar saturado e trabalhar de maneira menos eficiente. Algumas pessoas têm dores de cabeça, outras só ficam com o raciocínio lento. Esse é o resultado de um cérebro sobrecarregado, e você não quer sentir os efeitos disso no Enem 2016. Felizmente, existem algumas coisas que você pode fazer para evitar que o seu cérebro se canse demais durante a prova. Leia a seguir.

Leia também:
» Todas as notícias sobre Enem 2016
» Estudante nota mil no Enem dá dicas de como fazer uma boa redação

1. Pratique a arte de não pensar
Nos dias antecedendo a prova, e principalmente no próprio dia, procure separar algum tempo para não pensar em nada. Sim, essa é uma daquelas coisas que são mais fáceis na teoria que na prática. Nossos cérebros estão programados para pensar constantemente, e simplesmente parar pode ser uma experiência difícil e estranha. Mas vale a pena o esforço.

As técnicas de meditação vêm mostrando resultados há séculos, como grandes recursos para aliviar estresse, aumentar a concentração, melhorar o funcionamento do cérebro, a qualidade do sono e vários outros benefícios. Existem vários métodos de meditação (não necessariamente envolvendo quartos escuros e pernas cruzadas), procure o que mais se encaixa com você!

2. Faça pausas estratégicas
As revisões são um período de estudo estressante, mas principalmente nessa etapa do ano, a última coisa que você quer é manter o seu cérebro preocupado. Por isso, faça pausas entre seus estudos. Um estudo recente de Harvard mostrou que quando alguém trabalha intensamente por mais de 90 minutos, o corpo humano automaticamente entra em estado de “lutar ou fugir”.

Para impedir que isso aconteça, tire sonecas durante o dia. Acomode no seu horário, entre cada 90 minutos de estudo, ao menos 15 minutos de sono. A técnica, também conhecida como power nap, no curto prazo aumenta o poder de concentração do cérebro, e no longo prazo reduz o estresse.

3. Tenha com quem conversar
Muitos estudantes podem acidentalmente se isolar de amigos e familiares nessa época do ano. Não deixe que isso aconteça com você. Mesmo para quem estuda em grupo, conversar com alguém que não está diretamente envolvido com a prova é ótimo para que você tenha uma visão mais ampla da sua vida. Passar todo o seu tempo estudando pode dar a impressão de que a prova é mais importante do que ela é, e manter conexões saudáveis mostra que na verdade o vestibular é só mais uma parte da sua vida.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.