text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Poluição mata mais de 1,7 milhão de crianças anualmente, diz OMS

      
Poluição mata mais de 1,7 milhão de crianças anualmente, diz OMS
Poluição mata mais de 1,7 milhão de crianças anualmente, diz OMS  |  Fonte: Shutterstock
Confira outras notícias sobre educação e fique por dentro do universo educativo.

De acordo com estudos divulgados neste domingo (5) pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a poluição causa a morte de mais de 1,7 milhão de crianças com menos de cinco anos todos os anos. No Brasil, em 2015, 3% das mortes eram de crianças nessa faixa etária.

O relatório, baseado em dois estudos, mostra a ligação entre a poluição e as doenças que mais matam crianças no mundo como infecções respiratórias, malária e diarreia. A falta de água potável e de saneamento básico também estão entre os fatores que contribuem.

Os estudos usados como base foram o relatório “Herdando um mundo sustentável: Atlas sobre a saúde das crianças e o meio ambiente” e “Não polua o meu futuro! O impacto do meio ambiente na saúde das crianças”. Unindo-se ambos, chega-se à conclusão de que, das 5,9 milhões de crianças com menos de cinco anos que morreram no mundo em 2015, 26% tiveram suas mortes relacionadas a fatores ambientais.

Vale destacar que doenças respiratórias como a pneumonia figuram entre as principais causas da mortalidade infantil: elas foram responsáveis pela morte de 15,5% das crianças até cinco anos em 2015 e ao menos 570 mil morrem devido a doenças respiratórias ligadas à poluição – tanto interna quanto externa – e ao tabagismo passivo.

Leia também:
» Línguas do mundo: Unesco estima que 2,5 mil idiomas podem desaparecer no futuro
» 63% dos adultos com baixa alfabetização são mulheres, aponta relatório da Unesco


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.