text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

ProUni e Fies ajudarão candidatos em processos seletivos de estágios

      
Os estudantes contemplados pelo <strong>Programa Universidade para Todos (ProUni) e pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terão prioridade na concorrência de vagas de estágio dentro na área da administração pública federal</strong>, segundo as informações divulgadas no Diário Oficial desta terça-feira (28). A decisão foi publicada pelo <strong>Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.</strong><p></p><p><span style=color: #333333;><strong>Você pode ler também:</strong></span><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/educacao/noticia/2016/06/24/1141177/fies-abre-inscrices-nesta-sexta-feira-24.html title=Fies abre inscrições nesta sexta-feira (24)>» <strong>Fies abre inscrições nesta sexta-feira (24)</strong></a><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/emprego/noticia/2016/03/16/1137442/fazer-curriculo-perfeito-primeiro-emprego.html title=Como fazer o currículo perfeito para o primeiro emprego>» <strong>Como fazer o currículo perfeito para o primeiro emprego</strong></a><br/><a href=https://noticias.universia.com.br/emprego title=Todas as notícias de Emprego>» <strong>Todas as notícias de Emprego</strong></a><br/><br/></p><p><strong>O documento apresenta as regras dos estágios de nível superior, de ensino médio, de educação profissional, de educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, tanto exercidos por jovens como adultos.</strong> Além disso, também informou que a força de trabalho de estagiários representará apenas 20% dos funcionários dentro dos órgãos e entidades.<br/><br/></p><p>Outro ponto determinado no documento é o<strong> valor da bolsa auxílio para os candidatos aprovados nas vagas</strong>. Estudantes do nível médio receberão R$ 203 por 4 horas de trabalho e R$ 290 por uma jornada de 6 horas. Já os do ensino superior receberão R$ 364 por 4 horas e R$ 520 por 6 horas. Todos eles também receberão um auxílio para pagar o transporte, definidos em R$ 6.<br/><br/></p><p>Os estagiários terão direito a <strong>férias proporcionais ao semestre que estagiaram</strong>. A preferência é que o período coincida com as férias escolares. Após um semestre de trabalho o estudante deve tirar 15 dias consecutivos. Após dois semestres, o valor passar para 30 dias; três semestres, 45 dias; e quatro semestres, 60 dias.<br/><br/></p><p><strong>O tempo máximo de permanência do estagiário no órgão em que está trabalhando será de dois anos</strong>. No entanto, caso a pessoa tenha algum tipo de deficiência poderá permanecer na mesma vaga até o final da graduação.<br/><br/></p><p>Dentro dos 20% dos cargos reservados para estagiários, 50% deles devem ser destinados a nível superior e 25% para nível médio, sendo que ambas categorias reservarão 10% da quantidade de vagas para pessoas com deficiência. Além disso, 25% para os estudantes de educação profissional e dos anos finais do ensino fundamental na modalidade de jovens, com idade igual ou superior a 16 anos e adultos. Neste caso também haverá 10% das vagas para os estagiários com deficiência.</p><p></p>
Fonte: Shutterstock
Os estudantes contemplados pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terão prioridade na concorrência de vagas de estágio dentro na área da administração pública federal, segundo as informações divulgadas no Diário Oficial desta terça-feira (28). A decisão foi publicada pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Você pode ler também:
» Fies abre inscrições nesta sexta-feira (24)
» Como fazer o currículo perfeito para o primeiro emprego
» Todas as notícias de Emprego

O documento apresenta as regras dos estágios de nível superior, de ensino médio, de educação profissional, de educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, tanto exercidos por jovens como adultos. Além disso, também informou que a força de trabalho de estagiários representará apenas 20% dos funcionários dentro dos órgãos e entidades.

Outro ponto determinado no documento é o valor da bolsa auxílio para os candidatos aprovados nas vagas. Estudantes do nível médio receberão R$ 203 por 4 horas de trabalho e R$ 290 por uma jornada de 6 horas. Já os do ensino superior receberão R$ 364 por 4 horas e R$ 520 por 6 horas. Todos eles também receberão um auxílio para pagar o transporte, definidos em R$ 6.

Os estagiários terão direito a férias proporcionais ao semestre que estagiaram. A preferência é que o período coincida com as férias escolares. Após um semestre de trabalho o estudante deve tirar 15 dias consecutivos. Após dois semestres, o valor passar para 30 dias; três semestres, 45 dias; e quatro semestres, 60 dias.

O tempo máximo de permanência do estagiário no órgão em que está trabalhando será de dois anos. No entanto, caso a pessoa tenha algum tipo de deficiência poderá permanecer na mesma vaga até o final da graduação.

Dentro dos 20% dos cargos reservados para estagiários, 50% deles devem ser destinados a nível superior e 25% para nível médio, sendo que ambas categorias reservarão 10% da quantidade de vagas para pessoas com deficiência. Além disso, 25% para os estudantes de educação profissional e dos anos finais do ensino fundamental na modalidade de jovens, com idade igual ou superior a 16 anos e adultos. Neste caso também haverá 10% das vagas para os estagiários com deficiência.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.