text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Os desafios de entrar no mercado como freelancer

      
A facilidade de conexão e comunicação com o mundo inteiro faz com que a geração de millennials busque cada vez mais o trabalho freelancer para ser sua ocupação principal, deixando de lado as formas tradicionais de trabalho.
A facilidade de conexão e comunicação com o mundo inteiro faz com que a geração de millennials busque cada vez mais o trabalho freelancer para ser sua ocupação principal, deixando de lado as formas tradicionais de trabalho.  |  Fonte: istock

O que é o trabalho freelancer?

Também chamado pelos mais íntimos de freela, o mercado de trabalho freelancer tem recebido muitos profissionais qualificados que buscam uma opção ao mercado de trabalho tradicional. O freelancer é um profissional autônomo que presta de serviço de forma eventual para clientes, sem um contrato formal de emprego.

Esse novo molde de trabalho tem apresentado uma grande expansão em alguns nichos de mercado, como:

  • marketing digital

  • tradução

  • escrita de conteúdo

  • design

  • fotografia

  • programação de jogos e para internet

Por não ser um empregado com carteira assinada, o cliente está isento de recolhimento de INSS, FGTS e demais impostos trabalhistas e pode acordar um valor com o profissional com pagamento por projeto, por hora ou utilizar qualquer métrica que seja interessante para ambos. Isso pode trazer alguns benefícios, tanto para o cliente quanto para o freelancer, como:

  • elaboração mútua dos termos do trabalho

  • flexibilização da jornada

  • livre negociação da remuneração e forma de pagamento

  • elevação dos salários, em decorrência da ausência dos impostos trabalhistas


Principais desafios do mercado de trabalho freelancer

Se você está empolgado e pensando em buscar jobs, seja para complementar a renda ou para começar uma carreira como autônomo, é importante estar atento aos desafios que essa modalidade de trabalho pode apresentar, especialmente para os que estão iniciando.

1) Organização e cumprimento de prazos

Tal qual ocorre nas hipóteses de trabalho remoto, o profissional freelancer deve ter uma boa organização para administrar seus prazos e sempre manter a qualidade de seus trabalhos. As distrações que o ambiente doméstico oferece é um dos principais fatores que levam os freelancers a ter dificuldade em produzir em dia. Por isso, é muito importante estabelecer um planejamento diário, considerando uma margem para os imprevistos do dia a dia.

2) Negociação de valores

A definição do preço do seu trabalho fica exclusivamente a seu critério, mas se você deseja oferecer um serviço, é importante observar o mercado freelancer. Crie um portfólio que mostre a experiência que possui, esse será o seu currículo e é ele que justificará o valor que você cobra pelos seus projetos. 

Ser autocrítico é fundamental. Você precisa ser honesto com o valor da sua hora de trabalho. Se você ainda não possui a capacidade técnica necessária na sua área de atuação, estude a fundo antes de pegar um projeto. Não há nada pior do que se comprometer com um job que você não possui qualificação, pois isto invariavelmente vai resultar na entrega de um trabalho que não atenderá o desejo do cliente.

3) Captação de clientes sérios

Da mesma forma que seu cliente tem seu portfólio para te conhecer, você precisa ter formas de saber que seu cliente em potencial é sério. Existem pessoas honestas e que realmente darão valor ao seu trabalho, porém, existem tantas outras que são exatamente o oposto. Portanto, fechar contratos com um cliente, especialmente internacional, pode ser arriscado sem um mecanismo de segurança para garantir o pagamento. Existem sites como o UpWork, Freelancer e Fiverr, que funcionam como intermediadores e oferecem uma garantia para freelancer e cliente no contrato. 

4) Pouca estabilidade

Independente da sua área de atuação, os jobs sempre aparecem sem uma regra. Você vai se deparar com semanas em que podem surgir diversas ofertas enquanto em outras, não aparecerá nada. Portanto, ao invés de se preocupar em pegar muitos projetos ao mesmo tempo e correr o risco de não dar conta, invista em criar uma boa imagem para você. É isso que fará com que alguns clientes voltem com novas propostas ou mesmo uma parceria de longo prazo e que vão indicar você para outros clientes.

5) Falta de planejamento financeiro

Exatamente por essa rotina imprevisível é que ter um planejamento financeiro, quando você está em um trabalho freelancer, é essencial. Faça a sua programação de despesas e invista o que sobrar para criar a sua reserva de emergência. A sua carreira de freela pode estar deslanchando, mas nunca se esqueça de que os clientes podem diminuir e você precisará recorrer a essa reserva.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.