text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Definindo seus objetivos profissionais

      
Seus objetivos profissionais devem estar descritos no seu currículo de forma clara e direta.
Seus objetivos profissionais devem estar descritos no seu currículo de forma clara e direta.  |  Fonte: iStock

Você pode imaginar a quantidade de currículos que são enviados para as melhores vagas de emprego disponíveis no mercado. Com isso, é fundamental que você, ao elaborar seu currículo, utilize alguma estratégia capaz de chamar a atenção do recrutador, uma delas é a inclusão dos seus objetivos profissionais.


O que são objetivos profissionais


Os objetivos profissionais funcionam como um resumo do conteúdo de seu currículo para o recrutador, cumprindo o papel de isca para lhe chamar atenção. Trata-se de uma afirmação breve e direta, inserida no início do seu currículo, que contém suas principais realizações profissionais ou acadêmicas e o diferencia dos demais candidatos, tornando-o perfeito para a vaga em questão.


Ainda que possa parecer difícil sintetizar nos seus objetivos profissionais algo que o destaque dos demais, existem algumas dicas que você pode seguir para se inspirar quando estiver pensando sobre o que incluir no seu próprio currículo. Vamos a elas!


  1. Cargo pretendido: a menção ao cargo descrito na vaga, especialmente quando existem especificações, demonstra ao recrutador que você tomou o cuidado de ajustar o seu currículo pensando em aplicar para aquela posição específica. Isto, por si só, já demonstra seu interesse e comprometimento.

  2. Eventuais experiências anteriores: é importante que as experiências sejam relevantes para o cargo ou para a empresa em questão. Quando falamos em experiência, não é apenas as profissionais. Você pode falar de cursos e atividades extracurriculares ou voluntárias.

  3. Objetivos: Como já é de se imaginar, é importante apontar um propósito particular seu que esteja alinhado com aqueles característicos do cargo pretendido; as suas metas. 

  4. Atributos pessoais diferenciados: Se você possui uma qualidade pessoal que possa te distinguir dos demais candidatos é interessante colocar, mas nem sempre este será o caso. De qualquer forma, você pode inserir ao menos uma qualidade que você julgue interessante ter para o perfil da vaga como forma de demonstrar seu autoconhecimento.

  5. Sua contribuição pretendida: se for possível incorporar, inclua as formas como você imagina que pode contribuir para a empresa. Hoje, mais do que empregados que estejam ali apenas para cumprir ordens, as empresas buscam pessoas que possam agregar ao grupo e favorecer a melhoria de seus resultados.


O que NÃO deve ter nos seus objetivos profissionais!


Tão importante quanto o cuidado para redigir uma frase atrativa e que se destaque é evitar alguns erros que muitos candidatos cometem na redação dos seus currículos sem sequer se dar conta de como um pequeno detalhe pode ser o responsável pela sua rejeição.


  • Erros de português - Sempre releia o seu currículo para verificar se está claro e livre de erros de digitação e de português. O erro de português, mesmo aquele nitidamente acidental, como um erro de digitação, é indicação de descuido e falta de compromisso com a entrega de um trabalho de qualidade. Dificilmente uma empresa irá te dar algum retorno caso exista algum erro no seu currículo.

  • Fuja de frases generalistas e clichês - A escolha de expressões vagas dá a impressão de que o candidato pretende utilizar aquele mesmo currículo para inúmeras vagas sem sequer tomar o cuidado de observar a descrição do cargo, o que indica falta de compromisso e de interesse.


4 passos para elaborar seus objetivos profissionais


Se este é seu primeiro currículo ou se você está apenas fazendo alguma atualização no que já utiliza, dedique um tempo para escrever um objetivo profissional interessante e cativante. Podemos ajudar indicando os quatro passos para descobrir seus objetivos profissionais:


  1. Reflita sobre seu futuro - Quais são suas ambições? Que habilidades você possui que podem te ajudar nesta conquista? É fundamental o autoconhecimento nesta etapa.

  2. Defina suas metas - Uma prática que pode te ajudar é separar metas de curto, médio e longo prazo e ver quais combinam com a vaga que está diante de você.

  3. Analise a empresa - Pesquise sobre a empresa, sua cultura organizacional e verifique se ela está alinhada com as ambições e metas que você encontrou nas duas primeiras etapas.

  4. Redija seus objetivos profissionais - Com base na sua autoanálise aliada ao que você pode identificar ser comum a empresa que está ofertando a vaga, elabore o texto de forma clara e concisa. Não escreva um texto longo ou, provavelmente, ele será descartado pelo recrutador.


Se você ainda tiver dificuldades, busque alguns exemplos na internet para servir de inspiração, mas lembre-se, nunca copie-os! 


Mãos à obra e boa sorte!


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.