text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Orientação profissional na Psicologia: por que procurar a ajuda de um psicólogo para fazer escolhas na carreira

      
A orientação profissional não é indicada apenas para alunos do ensino médio, mas também para muitos estudantes universitários e profissionais já formados.
A orientação profissional não é indicada apenas para alunos do ensino médio, mas também para muitos estudantes universitários e profissionais já formados.  |  Fonte: iStock

A Orientação Profissional na Psicologia é um campo de estudo e atuação que tem como objetivo compreender aptidões, interesses, dificuldades e processos de escolha de indivíduos quando o assunto é profissão e carreira. Tudo isso com o objetivo de desenvolver métodos e ferramentas que auxiliem a tomada de decisões nessa área tão importante da vida.


O Brasil apresenta taxas altas de evasão universitária, em parte causadas pelo arrependimento de novos ingressantes em relação ao curso escolhido. A orientação profissional, portanto, precisa ser valorizada e difundida no país, como uma das formas de evitar que os jovens se arrependam de escolhas referentes às suas carreiras. Além disso, muitos profissionais já formados também podem se beneficiar da ajuda dessa área da Psicologia.


Se você está entre os muitos jovens que não sabem ao certo que profissão escolher ou se você já é um profissional formado, mas gostaria de mudar de área, então conheça aqui os benefícios da orientação de um psicólogo para a sua carreira.

Orientação profissional na Psicologia: mais de um século de evolução

Se você acha que a preocupação com a orientação profissional de jovens prestes a escolher as suas carreiras é algo recente, saiba que está equivocado. Na primeira década do século XX, já havia um educador pensando nisso: o norte-americano Frank Parsons, considerado o pai da orientação vocacional.


Ao longo do século XX, diversos profissionais adicionaram teorias e práticas a esse processo, com cada vez mais conhecimentos novos da Psicologia ganhando espaço na área. Os avanços desse campo de estudo são claros hoje nas pesquisas complexas e nas práticas bem embasadas da orientação profissional na Psicologia.

Como a orientação profissional pode ajudar você

Atualmente, existem diferentes correntes, bem como testes vocacionais, dentro da área de estudo e atuação da orientação profissional na Psicologia. Muitos testes vocacionais podem ser encontrados até mesmo on-line, e realizá-los do conforto do seu sofá pode ser um bom primeiro passo se você está em busca de descobrir a sua vocação.


No entanto, a orientação de um(a) profissional de Psicologia, que estudou durante anos para auxiliar pessoas nesse processo, é incomparável e insubstituível. Além disso, ao se consultar com um(a) psicólogo(a), você terá um atendimento personalizado, que considerará a sua personalidade, as suas características individuais, possíveis dificuldades e questões psicológicas e emocionais que precisam ser levadas em consideração.


A orientação profissional na Psicologia geralmente é feita ao longo de diferentes sessões, que incluem uma entrevista, uma série de testes e, por fim, um delineamento do perfil dos pacientes, feito pelo(a) psicólogo(a).


O relatório construído no fim do processo permitirá que o indivíduo não apenas conheça os cursos e profissões mais adequados para o seu perfil, mas também que se conheça melhor, tendo mais consciência dos seus interesses e aptidões. Ou seja, a orientação profissional contribui ainda para o autoconhecimento e pode favorecer o desenvolvimento pessoal.


Professores interessados em auxiliar os seus alunos no processo de autodescoberta e de escolha profissional também podem colocar em prática algumas atividades em sala de aula. Para muitos estudantes, contudo, a orientação com um(a) psicólogo(a) ainda será um complemento recomendável.

Orientação profissional não é só para adolescentes!

A orientação profissional não é útil somente para adolescentes e jovens adultos se preparando para prestar o Enem. Muita gente pode se beneficiar da orientação profissional de um(a) psicólogo(a), como é o caso de:

  • Estudantes universitários insatisfeitos com o curso e considerando uma transferência de faculdade;

  • profissionais já formados, mas que querem mudar de área;

  • profissionais que desejam tomar decisões importantes ou efetuar algum tipo de mudança em suas carreiras;

  • entre outras pessoas que se encontram diante de algum impasse na vida profissional.


Estudantes e profissionais de baixa renda também podem desfrutar desse serviço, embora tenham opções mais restritas no Brasil. Em algumas cidades brasileiras, há instituições, faculdades e/ou psicólogos voluntários que oferecem orientação profissional gratuita.


Ficou interessado(a) em iniciar um processo de orientação profissional? Confira aqui uma lista de serviços recomendados pela Associação Brasileira de Orientação Profissional (ABOP).


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.