text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

UFMG realiza seminário para debater o pagamento da dívida externa

      
O seminário internacional Dívida: uma ameaça à soberania reúne, na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), no dia 30 de agosto, participantes do Peru, Equador, Argentina e Brasil, para discutir uma alternativa de renegociação justa e transparente das dívidas externas dos países em desenvolvimento. O evento acontece no auditório da Reitoria, de 8h30 às 18h, e faz parte da Campanha Jubileu Sul/Auditoria Cidadã da Dívida. A abertura será presidida pela reitora Ana Lúcia Gazzola.

Segundo Maria Lúcia Fattorelli, coordenadora da campanha Auditoria Cidadã em Minas, a dívida dos países em desenvolvimento atingiu um montante tão elevado que as principais decisões políticas e econômicas estão fugindo ao controle destes países.

Fazem parte da Campanha Jubileu Sul diversas entidades como CNBB/Pastorais Sociais, Fisco Fórum, Associação Profissional dos Professores da UFMG (APUBH), Ação pela Taxação das Transações Financeiras em Apoio aos Cidadãos (ATTAC), Conselho Federal de Economia (Cofecom), entre outras.

"É importante articular os movimentos sociais e envolver toda a sociedade civil para pressionar os governantes e a classe política de modo que coloquem os direitos humanos em primeiro lugar e não os interesses dos credores", diz Maria Lúcia. O Seminário visa a buscar alternativas para o atual modelo de negociação da dívida. "Iremos propor uma renegociação mais justa para os países devedores", completa.

Segundo Maria Lúcia, isto só será possível com uma atuação conjunta dos países da América Latina junto ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e demais credores. O seminário internacional Dívida: uma ameaça à soberania será realizado na UFMG porque seus organizadores querem envolver a classe estudantil. "As grandes mudanças deste país foram possíveis com a mobilização dos estudantes", lembra Maria Lúcia.

Fonte: UFMG
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.