text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

USP oferece série de atividades na Semana da Pátria

      
Este ano, a USP (Universidade São Paulo) vai comemorar a Semana da Pátria em ritmo acelerado. O campus da Capital tem sua rotina alterada nesse período porque as aulas são tradicionalmente suspensas, mas a Universidade resolveu inovar oferecendo uma série de atividades, durante o feriado, na área que deixou de ser ocupada pelo Instituto de Astronomia, IAG (Geofísica e Ciências Atmosféricas) na Água Funda, após recente transferência de seus departamentos para a Cidade Universitária. Lá, a USP e a Secretaria Estadual da Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico assinaram contrato para o desenvolvimento do Plano Básico do Parque de Ciência e Tecnologia no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga.

O espaço dinâmico com fins educativos de lazer e de preservação ambiental vai organizar cursos, palestras e exposições para a Semana da Pátria, especialmente entre os dias 7 e 8 de setembro. "A data foi escolhida em homenagem a três fontes do riacho do Ipiranga, onde foi proclamada a Independência do Brasil", explica Marta Mantovani, diretora do parque, ligado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária.

Nos dias 7 e 8 o espaço será aberto ao público. Andar em mais de 700 metros de trilha será a tarefa de um grupo de alunos do curso de Educação Ambiental da USP, em 7 de setembro. "A caminhada vai levá-los a uma das nascentes do rio Ipiranga, onde foi proclamada a Independência do Brasil, em 1822", ressalta Marta. O local abriga parte da maior mancha verde dentro de uma região metropolitana no mundo e representa uma espécie de santuário ecológico. A partir do dia 9, todas as visitas deverão ser agendadas com antecedência.

Cursos gratuitos

De 3 a 7 de setembro, o parque vai oferecer uma série de cursos gratuitos elaborados em parceria com algumas unidades e centros da USP. "Optamos por aproveitar o feriado para que os professores pudessem, em função de seu horário, participar das atividades", argumenta Marta. As vagas são limitadas e as inscrições ainda podem ser garantidas. Serão conferidos certificados de participação pela USP para freqüência mínima de 70%.

Em conjunto com o Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC) da USP de São Carlos haverá um curso sobre Técnica de Resina aberto a professores do ensino fundamental e maiores de 18 anos. "Ao deter essa técnica, a comunidade do entorno poderá usá-la como forma de geração de renda", diz Marta. "Por outro lado, como o CDCC tem tradição em divulgar a ciência para o ensino fundamental e médio, organizamos oficinas para mostrar aos professores que aprender brincando é possível." Em parceria com a Estação Ciência, estão o projeto Experimentoteca, semelhante a uma biblioteca em sistema de empréstimo, possibilitando o uso de material experimental em sala de aula para o ensino de ciência, física, química e biologia, além da exposição francesa Maths 2000, do Museu de La Villette, Paris. "São mais de 60 demonstrações e atividades interativas sobre diferentes assuntos, de cálculo e geometria a espirais e fractais", observa.

O universo de geometria, cálculo e outros conceitos ressurge divertido na exposição de Matemática 2002 com a parceria da Estação Ciência. A ação do visitante será requisitada para manipular as demonstrações e interagir sobre diferentes assuntos relacionados à disciplina considerada "árida" pela maioria dos estudantes.

Há ainda uma exposição de projetos de alunos em parceria com a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) e visitas inusitadas aos equipamentos históricos ainda em funcionamento, em conjunto com o IAG. É possível conhecer a Estação Sismológica, acoplada a um moderno receptor de registros de terremotos mundiais em tempo real e a Estação Meteorológica, única no Brasil e que, em outubro, completa 70 anos de registro contínuo das características climáticas da área. Entre as atividades próprias do Parque, os visitantes terão o privilégio de passear pela alameda do Sistema Solar, conjunto de esculturas ilustrativas que reúne a Lua, o Sol e a Terra, em três períodos geológicos diferentes. O Parque de Ciência e Tecnologia, fica na avenida Miguel Estéfano, 4.200, Água Funda, São Paulo.

Mais informações: (0XX11) 5073-8599, com Luciane ou Lourdes

Fonte: USP
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.