text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Hora da corrida universitária

      
Uma nova prova de atletismo entra para o calendário de competições da modalidade esportiva da Capital no dia 18 de março, quando será realizada a primeira Corrida Universitária Padrão, promovida pela Faculdade Padrão, que deve reunir cerca de 2 mil participantes. "Queremos promover a maior corrida de Goiânia, com a presença do público em geral, e esperamos que ela se torne tradicional a ponto de que, mais adiante, participem atletas de destaque internacional", afirma o diretor-geral da instituição de ensino superior, João Rodrigues Oliveira.

Segundo ele, a iniciativa é uma demonstração da política de incentivo ao esporte da Faculdade Padrão, que realiza uma série de atividades voltadas para a área, e também representa mais uma opção para aqueles que pretendem competir profissionalmente ou investir no atletismo. "Nós queremos promover a interação com a sociedade, atraindo as pessoas que gostam de se exercitar", explica.

Mais de 300 pessoas já se inscreveram para a prova, cujo percurso será de 10 quilômetros, tendo como ponto de partida o Campus I da Faculdade Padrão, no Setor Rodoviário - em frente ao terminal do Dergo. As inscrições podem ser feitas até 9 de março nos campus I, III e IV da Faculdade Padrão ou nas lojas da Rede Rival Calçados em Goiânia. O preço cobrado para inscrição é R$ 25. Nova alteração será feita após 28 de fevereiro, quando o participante terá que desembolsar R$ 30.

Compromisso - Pessoas de outras cidades e Estados podem fazer a inscrição pela internet, no site www.faculdadepadrao.com. br, imprimir o boleto bancário e pagar o valor estipulado. No ato da inscrição, o participante se compromete a obedecer ao regulamento da prova e deve buscar seu kit de participação na Faculdade Padrão. Ao se cadastrar, o candidato declara que está apto para enfrentar o nível de resistência exigido pela prova, o que consta no regulamento.

Para acompanhar o andamento da competição e se certificar de que não haverá fraudes, a Faculdade Padrão contratou uma equipe de fiscais. Um chip de cronometragem será instalado no cadarço dos tênis dos participantes para auxiliar na detecção de possíveis irregularidades durante a disputa. Caso seja constatada qualquer forma de trapaça, o concorrente será desclassificado. A instituição terá o apoio do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT).

Os cinco primeiros a cruzarem a linha de chegada vão ganhar prêmios de R$ 500 a R$ 2 mil, além dos troféus. Ao todo, a disputa envolve 13 categorias, formadas por faixas etárias variadas (de menos de 18 a mais de 71 anos), deficientes físicos e cadeirantes. Menores de 18 anos devem apresentar autorização dos pais ou responsáveis. Segundo o diretor João Oliveira, além de pessoas de outras cidades e Estados, equipes profissionais já se inscreveram para o evento.
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.