Notícias

4 lições que o filme Meninas Malvadas ensina sobre a faculdade

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Nesta quarta-feira (30), jovens fãs do filme Meninas Malvadas organizaram-se para vestir roupas da cor rosa. Essa é uma homenagem ao fato de que As Poderosas, personagens principais do longa, têm certas regras que incluem usar rosa nas quartas e o filme completa 10 anos desde o seu lançamento. Se você faz parte do grupo que se divertiu com as aventuras de Cady Heron, Regina George e suas amigas, veja 4 lições que o filme Meninas Malvadas ensina sobre a faculdade:

Leia também:
» 4 lições de carreira que você pode aprender com a saída de Demi Lovato do X Factor
» 5 lições de sucesso para aprender com Katniss Everdeen, de Jogos Vorazes
» Todas as notícias da série Conselhos que amamos

1. A flexibilidade da linguagem

Regina diz para Gretchen que a gíria “fetch” (traduzida para barro) nunca seria considerada legal, mas até os dias atuais os fãs do filme utilizam a expressão. A lição disso é que na faculdade você vai encontrar pessoas que se comunicam de diversas formas e isso é a graça da linguagem. Aceite as diferenças e aprenda a conviver com elas.

2. A importância dos amigos

Janis Ian é a primeira amiga de Cady quando ela entra na escola. Porém, o convívio com as Poderosas faz com que Cady traia a sua amiga. No fim do filme, ela aprende a importância da amizade e se sente arrependida por tudo o que fez à Janis. Você também fará amigos valiosos na faculdade e é preciso entender e valorizar a sua experiência com eles.

3. Ser popular não é tudo

Cady perde a si mesma ao começar a andar com as Poderosas. Ela deixa seus valores e personalidade de lado e torna-se uma pessoa que ela mesma não conhece. A lição é que a popularidade não é tudo e muitas vezes vale mais a pena não ser conhecido do que sofrer com as pressões de grupos determinados. Seja sempre você mesmo.

4. Sempre há tempo para mudar

Por mais que Cady tenha sido maldosa com seus amigos e se afastado de grande parte da escola, ela soube que sempre existiria tempo para mudar. Ao quebrar a coroa de princesa do baile, ela mostrou a todos na escola que eles eram iguais e mereciam respeito um do outro. Não se arrependa dos seus atos, apenas preocupe-se em corrigi-los para ser sempre uma pessoa melhor.

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.